Flamengo goleia o Santos nas Oitavas da Copa do Brasil sub-17

55
Jogadores do Flamengo sub-17 comemorando gol – Foto: Gilvan de Souza

SITE
OFICIAL DO FLAMENGO
: Em clássico nacional válido pelas oitavas de final da Copa
do Brasil Sub-17, o Flamengo recebeu o Santos na tarde desta quarta-feira (11),
na Ilha do Urubu. Foi a estreia da categoria jogando na nova casa rubro-negra.

Após
um primeiro de almanaque, com amplo domínio, três gols marcados e infinitos
outros desperdiçados, os Garotos do Ninho tiveram dificuldades no segundo tempo
e sofreram um susto com dois gols da equipe santista e uma bola na trave.
Porém, no fim do jogo, as alterações feitas pelo treinador Marcio Torres deram
resultado e o placar final de 5×2 (Vitor Gabriel, Patrick, Wendel, Rhyan e
Gomes) dá uma boa vantagem a favor do Rubro-Negro para a partida de volta,
marcada para a próxima quarta-feira (18) às 16h na Vila Belmiro, com
transmissão ao vivo do SporTV.
O Mais
Querido pode perder por até 2 gols de diferença. Se passar, o adversário nas
quartas de final da competição nacional sairá do duelo entre Cruzeiro e
Internacional.

O jogo
Consciente
da importância de um bom resultado na partida de ida para ter maior
tranquilidade semana que vem na Vila Belmiro, o Flamengo pressionou o
adversário desde o primeiro minuto do jogo. E a estratégia deu muito certo. Com
a bola nos pés e sufocando o adversário, o Rubro-Negro abriu o placar aos 7
minutos, e foi um golaço! Luan Capanni arriscou de fora da área, a bola desviou
na zaga e sobrou para Ramon. Ele cruzou de primeira para o artilheiro Vitor
Gabriel, que soltou uma bomba de primeira, no ângulo do goleiro Jeimes, que
nada pôde fazer. Logo na sequência, aos 12, Luan Capanni foi lançado na área e
sofreu pênalti. O capitão Patrick cobrou com enorme tranquilidade e categoria,
apenas rolando para descolar o goleiro e fazer o segundo dos Garotos do Ninho
no jogo.
O
Santos chegou com perigo pela primeira vez apenas aos 17 minutos. Em rápido
contra-ataque, Rodrygo invadiu a área e chutou cruzado, para defesa segura de
Victor Hugo. O Mais Querido quase ampliou aos 23, em cobrança de falta de
Patrick que raspou a trave direita de Jeimes. Aos 35, após bate rebate dentro
da área santista, a bola sobrou para Yuri, que chutou de primeira para defesa
segura de Jeimes. O domínio era amplo, e o terceiro veio na jogada seguinte.
Vitor Gabriel dividiu com o zagueiro e rolou para Wendel, que bateu forte, sem
chances de defesa para o goleiro. O placar de 3×0 ao término do primeiro tempo
foi condizente com a superioridade rubro-negra demonstrada dentro de campo.
Aos 10
minutos da segunda etapa, Patrick cometeu pênalti em Rodrygo. Ele mesmo cobrou,
e a bola explodiu na trave esquerda de Victor Hugo, que pulou no canto certo. A
equipe santista diminuiu o placar aos 17 minutos, quando Rodrygo invadiu a área
e bateu forte no contrapé de Victor Hugo. No lance seguinte, Lucas Lourenço
chutou, a bola bateu na trave e atravessou toda a linha do gol rubro-negro. O
Flamengo escapou por pouco de sofrer o segundo. O Santos cresceu no jogo, e
diminuiu ainda mais aos 30, quando Lucas Lourenço cobrou falta e Vitor Gabriel
desviou de cabeça e fez contra.
Com o
time muito desgastado fisicamente dentro de campo, o treinador Marcio Torres
efetuou três alterações simultâneas, e a ação deu certo. Aos 40, o Flamengo foi
à frente e Rhyan, que havia acabado de entrar, teve muita frieza dentro da área
para dominar a bola e fazer o quarto gol do Mais Querido no jogo, em seu
primeiro toque na bola. No minuto seguinte, Vitor Gabriel fez grande jogada
individual e sofreu pênalti. Yuri de Oliveira bateu e o goleiro defendeu, mas
Gomes foi oportunista e fez o quinto no rebote, trazendo de volta a
tranquilidade aos Garotos do Ninho no confronto e fechando o placar com uma
importante vitória por 5×2.
“Fico
muito feliz pela atuação de toda a equipe. A jogada do primeiro gol é muito
trabalhada nos treinamentos, com a chegada do Ramon na linha de fundo e o
cruzamento no segundo pau. Hoje acertei um belo chute, e pude contribuir com
meus companheiros com esse lindo gol. Já o lance do pênalti no final do jogo, é
uma jogada que o nosso treinador Marcinho sempre me motiva a tentar nos jogos,
que é partir para cima dos zagueiros. Graças a Deus deu certo, e saímos com uma
excelente vitória em nosso primeiro jogo na Ilha do Urubu”, disse o artilheiro
Vitor Gabriel.
Antes
de ir a Santos, a equipe Sub-17 recebe o Nova Iguaçu neste domingo (15), às 10
horas na Gávea, em partida única válida pela semifinal da Taça Rio. Campeão da
Taça Guanabara, os Garotos do Ninho buscam também o título da Taça Rio, para
ser campeão carioca sem a necessidade de disputar a final.

O
Flamengo entrou em campo com Victor Hugo, Braian (Teo), Ari, Patrick (Natan),
Ramon, Henrique, Lucas Gabriel (Gomes), Luan Capanni (Yuri de Oliveira),
Wendel, Yuri (Rhyan) e Vitor Gabriel. Treinador: Márcio Torres.

COMENTÁRIOS: