Seleção Brasileira evita assunto Vinicius Júnior: “Foco é o Mundial”

27
Vinicius Júnior na Seleção Brasileira – Foto: Divulgação

GLOBO
ESPORTE
: Vinicius Junior não vai disputar o Mundial sub-17, por conta do veto
do Flamengo, já tem até substituto anunciado, mas foi o principal assunto entre
os jornalistas na véspera da estreia da seleção brasileira. Neste sábado, o
time comandado pelo técnico Carlos Amadeu inicia sua campanha contra a Espanha.
Mas, por enquanto, a ausência do atacante ainda chama a atenção.

Vendido
ao Real Madrid em maio deste ano por 45 milhões de euros (cerca de R$ 164
milhões na cotação atual), Vinicius Junior era ansiosamente esperado pelos
indianos. A Fifa já badalava a competição com a presença do jogador, mas o
“não” do Flamengo frustrou a organização do Mundial, fãs e
jornalistas que pretendiam acompanhar a joia. Para se ter uma ideia, três
jornais da Espanha cancelaram a cobertura após a notícia de que ele não
jogaria.
O
técnico Carlos Amadeu responde a todas as perguntas sobre Vinicius, mas acha
que já passou da hora de encerrar o tema. Não quer abrir a possibilidade de um
problema para o grupo.
– O
foco agora é o Mundial. Independentemente da presença do Vinicius, que foi
realmente muito importante (na conquista do Sul-Americano), é um jogador de
muito talento, mas é passado. O foco agora também é no nosso grupo, nos atletas
que estão presentes e têm capacidade de superar todos os desafios que nos forem
impostos – frisou Amadeu.
Vinicius
é um dos melhores jogadores do mundo na categoria e o com mais experiência
profissional. Foi artilheiro e líder em assistências do Sul-Americano Sub-17 e
já estava entrosado com Paulinho, do Vasco, e Lincoln, do Flamengo, que agora
têm a missão de comandar o ataque. Brenner, atacante do São Paulo, substituirá
o jogador rubro-negro. Brenner, aliás, foi bem na fase de preparação da seleção
brasileira. No último teste antes da estreia, ele fez os dois gols da vitória
por 2 a 1 num amistoso contra a Nova Zelândia.
– Ao
longo desses dois anos e meio de convocação dessa categoria, fizemos várias
convocações com a presença desse atleta (Vinicius Junior) e sem a presença
dele. Criamos nesse grupo a confiança para que jogue sem os principais
jogadores ou aqueles que têm mais mídia. Eles já sabem jogar em outro sistema,
estratégia diferente. Preparamos o time para todas a situações – afirmou o
treinador.
Porta-voz
do grupo, o zagueiro Vitão lamentou a ausência de Vinicius, mas fez o mesmo
caminho do técnico Carlos Amadeu. Para ele, não é impossível substituir o
jogador do Flamengo. E mais: dá até para ir além.

Claro que se estivesse aqui o Vinicius nos ajudaria muito. Mas temos jogadores
comprometidos e talentosos. Se cada um der mais 10%, podemos fazer dois
Vinicius Junior. Temos jogadores para suprir essa ausência dele. Falamos com
ele depois da notícia da ausência dele e mandei uma mensagem depois de saber da
lesão que ele sofreu. Esperamos que ele se recupere o mais rápido possível –
disse o capitão, que foi escolhido após uma votação de cada jogador.
Brasil
e Espanha se enfrentam em Cochim, às 8h30 (de Brasíia). O GloboEsporte.com
detalha os lances do jogo em Tempo Real. O SporTV transmite a partir das 8h.

COMENTÁRIOS: