Barbieri sente falta da torcida em Campinas e aguarda sua presença no Rio

108

Após a vitória por 1 a 0 sobre a Ponte Preta, o técnico Mauricio Barbieri mostrou sua satisfação com a equipe do Flamengo, que trouxe a vantagem para o Rio de Janeiro. Agora, o Mais Querido joga pelo empate no Maracanã, no próximo dia 10 de maio, para avançar às quartas de final.

Na entrevista coletiva pós-jogo, Barbieri comentou sobre jogar sem a presença da torcida rubro-negra. Por conta de uma punição, a Ponte Preta não pode receber torcida visitante em seu estádio, praticamente jogando com torcida única a seu favor no Moisés Lucarelli. O treinador falou sobre a estranha situação.
“A punição acabou respingando no Flamengo. Concordar ou não com ela, não vai mudar nada. Para nós, fez falta não ter a torcida do nosso lado. Quando tivemos, como foi no Ceará, ficamos mais fortes. Sentimos falta, mas contamos com ela nos próximos jogos”, disse Barbieri.
Autor do gol da vitória, Henrique Dourado chegou a nove com o Manto Sagrado, mostrando cada vez mais estar adaptado ao esquema do time. Para o treinador, isso mostra como ele sabe executar sua função como um especialista.
“Ele está lá pra isso. Tem lutado muito, ajudado muito na marcação, buscando o jogo por dentro,que não é sua característica, e estou bastante satisfeito com o rendimento dele”, completou. Confira abaixo os demais pontos abordados por Mauricio Barbieri na coletiva.
Volta de Guerrero
O julgamento é importante não só para o Paolo Guerrero, mas para todos nós. Vamos ver como ele vai voltar de viagem e, se estiver em condições, a gente avalia se ele pode ou não ir para o jogo domingo.
Vinicius Junior
Ele vem evoluindo muito. Não falta orientação, não falta treino e a sequência de jogos faz isso. O jogador precisa de sequência para amadurecer e ele vem tendo isso. O Vinicius em muitos momentos é determinante, como tem demonstrado e isso ajuda muito a gente.
Nação Rubro-Negra
A gente entende que a torcida queira sempre mais. É natural. Ela quer a vitória e a gente procura trabalhar nesse sentido. Quando não acontece, a gente entende que ela fique chateada. a grande maioria tem mostrado apoio irrestrito ao time e quando ela comparece, a gente é muito forte.
Everton Ribeiro
Temos um elenco muito bom e vamos encontrar soluções de acordo com o adversário. O Geuvânio é um jogador agudo, podia contribuir bem e levar vantagem ali no setor da direita. E o Everton Ribeiro fez um bom jogo aqui, como fez no Ceará. Vamos esperar o Diego ser avaliado e, se estiver em condições, a gente vai decidir o que for melhor pro Flamengo.
Reprodução: Site do Flamengo

COMENTÁRIOS: