Cuéllar elogia raça e briga do time na vitória sobre o Emelec

217
Gustavo Cuéllar teve mais uma atuação acima da média nesta quarta-feira, na vitória por 2 a 0 sobre o Emelec, pela Conmebol Libertadores, no Maracanã. O triunfo garantiu o Flamengo nas oitavas de final da competição de forma antecipada e transformou a partida contra o River Plate, na próxima quarta, em Buenos Aires, em disputa pela liderança na chave.
O colombiano saiu de campo com 41 passes certos e sete desarmes, um dos destaques da partida. E sua atuação foi um retrato do time, que teve muita raça e buscou o resultado o tempo inteiro, dando moral para o restante da temporada.
“Foi um jogo muito difícil. A gente sabia disso. Libertadores é assim. A gente ganhou na raça. Lutamos, brigamos e sempre procuramos o gol. Todos atacávamos, todos defendíamos. Mas o time ainda não ganhou nada. Foi um passo importante para o que vem a seguir. Estamos reparados para lutar e chegar a uma decisão que desejamos há muito tempo”, disse o volante, que celebrou o resultado, mas já falou sobre o clássico de sábado, contra o Vasco da Gama.
É um resultado muito importante. Temos que defender a liderança do Campeonato Brasileiro contra um grande time, que é o Vasco. Vai ser um jogo difícil, com certeza, corremos demais hoje e sábado vai ser mais”, comentou.
Na próxima quarta, o Flamengo encara o River Plate no Monumental de Nunez na briga pela liderança do grupo 4. O Mais Querido tem nove pontos, contra 11 dos argentinos. A vitória garante decidir as oitavas em casa. Cuéllar conhece bem o adversário e já antecipou como imagina que será a partida em Buenos Aires.
“Contra o River também será decisivo. Queremos a vaga em primeiro lugar para fechar as oitavas em casa e também dar um golpe de autoridade lá no Monumental. São dois grandes times que vão lutar pela mesma causa”, concluiu.
A partida de sábado será às 19h, no Maracanã. A de quarta-feira, 21h45. Ambas no horário de Brasília.
Reprodução: Flamengo

COMENTÁRIOS: