Procurador Geral elogia a postura do Flamengo diante de tragédia

Compartilhe esta notícia

Dirigentes do Flamengo estiveram reunidos com autoridades municipal e estadual, nesta segunda-feira (11), na sede do Ministério Público do Rio de Janeiro. O encontro, que teve participação de membros da prefeitura, Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e Ministério do Trabalho, teve como principal decisão uma vistoria conjunta dos órgãos no CT Ninho do Urubu, na terça-feira. Além disso, o Ministério Público informou que o clube suspendeu o pernoite de pessoas no local. Vale lembrar que, além das categorias de base, o elenco principal costuma concentrar no local.

O Procurador-geral de Justiça do Rio, Eduardo Gussem, falou sobre as decisões tomadas:

“É importante registrar que a presidência do Flamengo assumiu todas as responsabilidades em relação ao evento, se comprometeu a dar todo acolhimento às famílias das vítimas e entregou à defensoria pública a condução dessa negociação com as famílias para reparo imediato. A partir de amanhã (terça-feira), faremos perícias amplas no CT do Flamengo, para que possamos analisar em que condições se encontra e se há necessidade de interdição plena ou parcial do local de trabalho. É um dano irreparável. Mas há também o aspecto preventivo, para que novas tragédias como essa não ocorram. Vamos verificar a legalidade trabalhista desses atletas. Assim como o ambiente de trabalho desses trabalhadores” – disse.

Mais uma vez, o presidente rubro-negro, Rodolfo Landim, se recuou a falar com a imprensa e apenas deu um pronunciamento no qual falou sobre o apoio que o clube vem dando às famílias.

“Nesta oportunidade, o Flamengo revê a chance de documentar os trabalhos que vem sendo feito. O foco era assistir às famílias das vítimas. O clube trouxe os familiares para o Rio e não poupou esforços para o suporte. Falamos da nossa vontade em indenizar essas famílias o mais rapidamente possível. Nosso interesse é na família desses meninos. Passamos também a nossa preocupação que temos uma série de rapazes que tem a vida organizada em volta do nosso centro de treinamento, com objetivo de vida focado em nosso CT, onde temos educação, assistência médica, assistência odontológica, psicológica e monitores assistindo aqueles meninos. Caso haja algum tipo de persistência na operação no CT, estamos focados para corrigir isso o mais rapidamente possível. Teremos essa reunião amanhã (terça-feira) com as autoridades presentes em nosso CT e uma nova reunião na sexta onde entendemos que teremos uma nova rodada de discussões”, afirmou Landim.

“Falamos da nossa disposição de resolver qualquer tipo de pendência que ainda haja no CT. A nossa expectativa é que tudo isso seja resolvido. Amanhã teremos uma nova reunião no nosso CT. E na sexta teremos uma nova reunião aqui no MP/RJ”, concluiu.

Por: ONE FOOTBALL

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here