Torcedor do Flamengo gastou R$ 1.500 para fazer tatuagem de Gabigol

Compartilhe esta notícia

O amor por um time pode ultrapassar barreiras. Assim aconteceu com o consultor de vendas Daniel Ricci, de 28 anos, que tatuou o rosto de Gabigol na panturrilha. Nascido em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, ele deixou até de pagar a prestação do carro novo para registrar na pele seu amor pelo atacante do Flamengo.

“Minha família ainda não sabe que paguei R$ 1.500 pela tatuagem. Agora não tenho mais um real, mas Deus vai me ajudar”, diz o jovem, que recorreu ao talento de Gustavo Tattoo, especialista em reprodução de fotos: “A vontade era tão grande que não podia perder essa chance”.

A família de Daniel se divide entre botafoguenses e tricolores. Em meio a rivais, o rubro-negro não sabe explicar exatamente como sua paixão pelo Flamengo apareceu:

“Realmente entendi o que é ser torcedor do Flamengo em 2001. Lembro que estava no Maracanã, na final do Campeonato Carioca contra o Vasco. A imagem de Petkovic de braços abertos, correndo pelo gramado do estádio depois do golaço de falta, depois de fazer o gol do título nos acréscimos, ficou para sempre cravada na minha memória. Desde então, nunca mais deixei de ir aos jogos do Flamengo”.

Gabriel Barbosa está emprestado pela Inter de Milão ao Flamengo até o fim do ano. Mas Daniel acredita que o atacante retrata o verdadeiro espírito rubro-negro.

“No Flamengo tem que ter raça, amor e paixão. E o Gabriel demonstra tudo isso dentro de campo. Para ele, não tem bola perdida, ele grita, vibra, dá carrinho e corre de verdade por todos nós. Sua vontade de vencer é o que representa nosso espírito rubro-negro. Como torcedor, só tenho um pedido: fica, Gabriel!”, suplica o torcedor.

Fonte: ODIA.COM.BR

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here