Ex-jogador não vê futuro se Jorge Jesus quiser copiar modelo da Europa no Flamengo

Compartilhe esta notícia

O Flamengo é apontado como um dos clubes mais ricos do futebol brasileiro. Não à toa, tem investido demasiadamente em seu elenco. Porém, o Rubro-Negro entrou em pauta nas discussões desportivas, pois contratou um treinador europeu para comandar o time, o português Jorge Jesus. Por isso, o atual comandante do São Caetano, o ex-jogador Pintado, disse não acreditar que o técnico irá conseguir mudar o modelo de jogo do Fla.

Durante o programa Jogo Sagrado, dos canais FOX Sports, houve o debate sobre a cultura e método de treino de Jorge Jesus. Para Pintado, que trabalhou com Edgardo Bauza no São Paulo, caso o português queira implementar o modelo da Europa no Flamengo, o comandante do Fla irá ser demitido rapidamente, pois é muito diferença, segundo o ex-jogador.

FOTO: DIVULGAÇÃO / SPORTING

— Se ele quiser mudar o Flamengo, cai em uma semana. Se ele quiser implantar da maneira que vê na Europa, da maneira que trabalhou a vida toda, se ele quiser, não demora uma semana. É muito diferente. Ele não tem tempo para corrigir os problemas, a pressão da torcida que dificilmente tem em outro país, ele não conhece a característica do Flamengo, ele é competente, mas o futebol brasileiro é diferente do mundo todo -, explicou Pintado, que completou:

— Não tem tempo de treinar. Trabalhei como Bauza, competente, muito legal o que ele fazia, mas ele reclamava, dizia que somos escravos do futebol, que não tem tempo de treinar, de descansar, recuperar, joga depois de 48 horas. Não existe isso no mundo. Se o Jesus quiser mudar isso no Flamengo, time que só tem um resultado, não pode ser vice, tem que ser campeão, terá dificuldade. Isso leva tempo -, finalizou.

Jorge Jesus nunca trabalhou em solo sul-americano. O treinador foi multicampeão com o Benfica, de Portugal, onde venceu três vezes o Campeonato Português, além de cinco Taças da Liga e uma Taça de Portugal. Pelo Sporting, o comandante venceu uma Taça da Liga, enquanto que pelo Al-Hilal, dos Emirados Árabes, ele triunfou na Supertaça Árabia Saudita.

Por: Coluna do Fla

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here