Gabigol lembra bons momentos contra Corinthians e projeta jogo decisivo: “Espero que a gente saia feliz”

Compartilhe esta notícia

Está chegando o momento de um jogaço fundamental para as esperanças do Flamengo na temporada. Nesta terça-feira (3), o Mais Querido recebe o Corinthians no Maracanã para o jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Com vantagem por 1 a 0 conquistada no jogo de ida, o Rubro-Negro terá também a Maior Torcida do Mundo ao seu lado. Na véspera do jogão, o atacante Gabigol deu entrevista coletiva no Centro de Treinamento George Helal e disse o que espera da decisão.

Responsável por marcar três gols nos últimos dois jogos, o camisa nove relembrou bons momentos da carreira contra o Alvinegro Paulista.

Foto: Carla Araújo/Coluna do Fla

– Já ganhei duas vezes em Itaquera. Uma com Santos, quando fiz gol, e essa com Flamengo (pelo jogo de ida). Esses dois jogos lá foram muito importantes. Tive também alguns gols que fiz na Vila Belmiro, teve um 5 a 1. É muito bom jogar contra eles, fazemos grandes jogos. E espero que a gente saia feliz amanhã -, afirmou.

No Mengão desde janeiro, Gabriel rapidamente entendeu o que é vestir o Manto Sagrado. Além da alegria por representar o Rubro-Negro no dia-a-dia, o atacante sempre mostra disposição e raça dentro de campo. O camisa nove afirmou que não existe jogo menos importante quando se é jogador do Flamengo. Para ele, os desfalques dos atletas que vão para a Copa América não podem influenciar o nível da atuação desta terça-feira.

– Eu acho que no Flamengo todo jogo é importante. Não tem um mais importante que o outro. A pressão é grande para estar sempre jogando. Vamos sentir falta dos jogadores, mas temos um elenco bom, com jogadores que podem substituir à altura. Estamos preparados para fazer um grande jogo e passar para a próxima fase -, disse.

E a possibilidade de uma derrota no jogo de amanhã? Gabigol finalizou com o mesmo foco da Nação: nem pensar.

– Não costumo pensar nisso (em perder amanhã). Temos um grande elenco que tem tudo para conseguir essa classificação. Esse pensamento não passa pela minha cabeça -, projetou.

Por: Coluna do Fla

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here