Flamengo procura medalhão do Cruzeiro para ser primeiro reforço para 2020

Compartilhe esta notícia

O ​Flamengo, que vem investido pesado em contratações nos últimos anos, já tem na mira seu primeiro reforço para o ano de 2020. A pedido do técnico português Jorge Jesus, a diretoria do Rubro-Negro já se movimenta para acertar com um ‘medalhão’ de outro clube da Série A do Campeonato Brasileiro. A situação deve ganhar novos desdobramentos com a chegada do final da temporada.

Segundo informou no início da tarde desta quarta-feira (11) o​ jornalista Jorge Nicola em seu blog no Yahoo Esportes, o Flamengo procurou representantes do zagueiro Dedé para retomar as tratativas iniciadas no começo do ano. Na oportunidade, o clube carioca chegou a oferecer salários de R$ 1 milhão ao defensor e R$ 35 milhões ao ​Cruzeiro, mas não conseguiu chegar a um acordo.

O vice-presidente da Raposa, Itair Machado, assegurou que somente liberaria o zagueiro pelo valor da multa rescisória, que é de R$ 330 milhões. A situação para a próxima temporada, no entanto, é completamente diferente. O Cruzeiro ultrapassa uma crise financeira sem precedentes em sua história, e tanto o presidente Wagner Pires de Sá quanto o técnico Rogério Ceni conhecem a necessidade de reduzir os gastos.

A folha salarial do clube mineiro gira na casa dos R$ 15 milhões por mês e Dedé, aos 31 anos, tem um dos cinco maiores vencimentos do grupo – que ainda segue se receber parte do mês de julho e agosto. Outro fator que pode ajudar o Flamengo na intenção de contratar o defensor é que empresários que tiraram o jogador do Vasco e o colocaram no Cruzeiro querem recuperar os R$ 15 milhões gastos.

De acordo com Nicola, os direitos econômicos hoje estão divididos entre o grupo DIS, 51,91%, Marcos Vinícius Sánchez Secundino, é um dos proprietários da farmacéutica EMS, 30,5%, o empresário Giscard Salton, 11,09%, a GT Sports, 6,5%. O Cruzeiro, segundo relatório divulgado pela diretoria recentemente, tem direito a ficar com somente 20% de uma futura venda.

O defensor, em janeiro, chegou a confidenciar a amigos que tinha a intenção de jogar no Flamengo. Apesar disso, respeitou a decisão da Raposa, onde ficou quase dois anos ausente tratando lesões. Revelado pelo Volta Redonda, ele chegou ao Vasco em 2009, se mudando para a Toca da Raposa em 2013. No Cruzeiro, soma 176 atuações e 14 gols marcados. Em 2019 são 39 partidas, com duas bolas na rede.

Por: 90Min

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here