• Início
  • Coluna
  • Flamengo
  • Flamengo irá rever torcida após mais de 400 dias; a saudade e ansiedade atinge a todos
Publicidade

Flamengo irá rever torcida após mais de 400 dias; a saudade e ansiedade atinge a todos

Publicidade

Após um lapso de amor, o casamento entre o Flamengo e a torcida será retomado após 497 dias. Hoje (21), o Rubro-Negro enfrenta o Defensa y Justicia (ARG), no Mané Garrincha, às 21h30, pelos últimos 16 jogos da Libertadores.

Com a vantagem de vencer por 1 a 0 no jogo de ida, o time pode empatar no de volta. A reunião não será totalmente concluída porque apenas 25% dos estádios da capital federal serão abertos ao público. Mas mesmo que a casa não esteja totalmente cheia, os jogadores de Fla terão mais uma vez uma ligação que a equipa perdeu, principalmente em 2020.

Sem o poder do Maraca, os Rubro-negros sentiram a influência do silêncio e até sucumbiram sem uma nação. O sistema de som tentou resolver o problema, mas a reação química foi perdida. Durante a pandemia, os gritos da multidão foram substituídos pelos sons da cena, que mudaram completamente a experiência de quem ganhava a vida na quarta linha.

Foto: Flamengo

Apesar da conquista do título, a vida da equipe em campo, passa por um momento de recomeço; tendo um novo técnico que ainda teve poucos jogos. O jogo de hoje é mais uma prova para Renato Gaúcho.

Um novo Clube

Publicidade

Na concentração do Flamengo na capital federal, o ambiente já é diferente por conta do fato novo. Embora a Libertadores já seja o combustível natural de um grupo que quer sempre ganhar, ter o grito do torcedor novamente é motivo de nervosismo para os jogadores.

Entre os cardeais rubro-negros há a certeza de que muitos torcem pelo insucesso da empreitada.
Com os números da covid ainda em estágio alarmante, muitos clubes não concordam com o método do rival, mas sabem que a pressão popular irá crescer caso o Flamengo consiga traduzir isso em ganhos financeiros e esportivos.

Em caso de sucesso em campo e fora dele, o Flamengo sairá de Brasília fortalecido em todos os aspectos.
No embalo da torcida, o time quer dar mais um passo para retomar a América.
A direção, por sua vez, espera dar a tacada certeira e fazer do duelo contra os argentinos um marco em tempos de “novo normal”.

Na concentração do Flamengo na capital federal, o ambiente já é diferente por conta do fato novo. Embora a Libertadores já seja o combustível natural de um grupo que não se cansa de ganhar, ter o grito do torcedor novamente é motivo de ansiedade para os jogadores.

Entre os cardeais rubro-negros há a certeza de que muitos torcem pelo insucesso da empreitada. Com os números da covid ainda em estágio alarmante, muitos clubes não concordam com o método do rival, mas sabem que a pressão popular ira crescer caso o Flamengo consiga traduzir isso em ganhos financeiros e esportivos.

Em caso de sucesso em campo e fora dele, o Flamengo sairá de Brasília fortalecido em todos os aspectos. No embalo da torcida, o time quer dar mais um passo para retomar a América. A direção, por sua vez, espera dar a tacada certeira e fazer do duelo contra os argentinos um marco em tempos de “novo normal”.

Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod