22 jogadores do futebol brasileiro são convocados para Eliminatórias.

ESPN: Contando
todas as 10 seleções que disputam as Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa
da Rússia em 2018, 22 jogadores que atuam em times brasileiros foram escolhidos
pelos técnicos de quase todos os países, para os confrontos da 13ª e 14ª
rodada.
O
próprio Tite convocou cinco: Wewerton (Atlético-PR), Fagner (Corinthians),
Diego (Flamengo), Diego Souza (Sport) e Dudu (Palmeiras) – este último entrou
na vaga de Douglas Costa (Bayern de Munique), machucado.
Equador
e Colômbia vem em seguida, com, respectivamente: Caicedo (do Cruzeiro),
Orejuela (Fluminense) e Miller Bolaños (do Grêmio);Yerri Mina (Palmeiras),
Miguel Borja (Palmeiras) e Pablo Armero (Bahia).
Uruguai,
Venezuela, Paraguai, Peru e Argentina selecionaram dois atletas cada; o Chile
chamou um e a Bolívia, nenhum.
Mas
apesar das convocações serem sinal de que os clubes tem em seu elenco atletas
de primeira linha, elas também os desfalcam. O Palmeiras será o mais
prejudicado, cedendo Alejandro Gerra, Yerri Mina, Miguel Borja e Dudu. Na
sequência, o São Paulo de Cueva, Buffarini e Lucas Pratto – nenhum da sel
Cruzeiro,
Sport e Corinthians perderão dois atletas cada, enquanto Fluminense, Vasco,
Atlético-MG, Botafogo, Bahia e Atlético-PR, um.

Comparando com outros campeonatos
Em
números totais, o Campeonato Brasileiro (22 convocados) perde apenas do
Boliviano, que emplacou 25 atletas convocados – entretanto, todos pela própria
seleção. Em terceiro, o Peruano terá 11 atletas nas eliminatórias e, na
sequência, o Equatoriano e o Argentino, 10 cada.
A
seleção que mais convocou atletas de seu próprio campeonato nacional foi a
Bolívia, que de sua lista de 30 jogadores, 25 atuam em times do país. Muito
atrás seguem Peru, com 10 e Equador, oito – neste quesito o Brasil aparece
apenas em sexto.
Chile,
Paraguai e Uruguai não selecionaram sequer um atleta dos respectivos torneios
nacionais.
Vale
se destacar ainda que, se o México disputasse as Eliminatórias Sul-Americanas,
seu campeonato seria o com mais convocados no geral: 29.

A convocação anterior
Se
compararmos com a última rodada das Eliminatórias (que aconteceu em Novembro de
2016), pouco mudou. Na ocasião, foram 19 atletas do Brasileirão nas
convocações; No final do ano passado, Tite chamou Alex Muralha (Flamengo),
Wewerton (Atlético-PR), Rodrigo Caio (São Paulo), Lucas Lima (Santos) e Gabriel
Jesus (então no Palmeiras).
Cueva,
Bolaños e Borja ainda não jogavam o Campeonato Brasileiro, enquanto Gatito
Fernandez foi o único que mudou de clube dentro do país (do Figueirense foi para
o Botafogo).
Campeonato forte, seleção forte?
Se
compararmos com a posição de cada um nas eliminatórias, veremos que não existe
relação direta entre o número de jogadores do próprio campeonato convocados e a
colocação nas eliminatórias.
Em 1º
lugar, o Brasil chamou apenas cinco atletas que atuam em seu país. Uruguai e
Argentina, respectivamente segundo e terceiro colocados, não chamaram ninguém
que jogue no próprio campeonato o Equador, segundo que mais convocou jogadores
de times de seu torneio nacional, está na quarta posição sul-americana.
Na
parte de baixo, a última Venezuela convocou pouco mais que Tite: foram seis
atletas do Campeonato Venezuelano. A Bolívia, penúltima das Eliminatórias, foi
quem mais chamou jogadores que jogam em seu país, 25. O Peru, antepenúltimo do
torneio é o segundo que mais chamou atletas em ação nos próprios campos; o
Paraguai, em 7º na corrida para a Rússia, não chamou ninguém que jogue no país.

Por: FlaHoje

MAIS LIDOS

SBT divulga chamada para jogo do Flamengo na Liberta; Assista

O Flamengo terá pela frente um grande jogo de futebol marcado para essa terça-feira, com transmissão do SBT. Um dia após completar um ano...

Com medo do Fla, Globo toma medida desesperada para concorrer com o SBT

A Globo traçou sua estratégia para competir com o jogo do Flamengo diante do Racing pela Libertadores. A partida será transmitida pelo SBT e...

Problema recorrente: Flamengo lidera estatísticas de chances perdidas

Na partida do último sábado diante do Coritiba, uma das maiores reclamações da torcida do Flamengo se deu ao número de chances reais de...

Com bom retrospecto contra argentinos, Flamengo chega confiante na Libertadores

O Flamengo começa sua caminhada na fase de mata mata da Libertadores amanhã, diante do Racing da Argentina. Se o futebol apresentado pela equipe...