Adivinha quem foram os melhores de Flamengo x Chapecoense?

Guerrero e Diego comemorando gol pelo Flamengo – Foto: André Mourão/FOTOFC

LANCE:
O Flamengo, finalmente, mostrou o seu poder de fogo no Brasileirão. Nesta
quinta-feira, na Ilha do Urubu, o Rubro-Negro atropelou a Chapecoense, com show
das suas estrelas: Guerrero e Diego. O peruano marcou os seus primeiros gols na
competição, três vezes. Diego fez outros dois no 5 a 1. Confira, a seguir, as
notas do LANCE! para os jogadores e técnicos.

FLAMENGO
5,0
Thiago
As
finalizações da Chape não o exigiram na etapa inicial. A falha no lance do gol
de Victor Ramos foi gritante, largou a bola dentro da pequena área.
6,5
Rodinei
Não
foi tanto ao ataque, mas levou perigo quando avançou. Na etapa final, por outro
lado, acabou colaborando mais na parte defensiva.
7,0
Réver
Afastou
vários cruzamentos e não deu espaço ao centroavante rival. Acabou pedindo para
sair na etapa final com dores na perna esquerda.
7,5
Juan
Postura
de veterano, fôlego de garoto. O zagueiro teve uma apresentação segura, com
ótimas antecipações e cobertura pelo lado esquerdo.
6,0
Trauco
Deixou
uma avenida para Apodi, Rossi & Cia., mas recompensou com boas subidas ao
campo de ataque e bons passes longos.
6,5
Márcio Araújo
Foi
importante na cobertura dos laterais, especialmente de Trauco. Chamou atenção
ao ir para cima do rival e quase marcar de pé esquerdo.
7,0
Willian Arão
De
volta ao time titular, o camisa 8 teve o nome vaiado na escalação, começou
discreto, mas evoluiu aos poucos. Iniciou o lance do segundo gol.
8,5
Diego
É o
diferencial do Flamengo, as jogadas mais perigosas saem do seus pés. Abriu o
placar com um golaço, distribuiu bons passes e fez mais um no fim.
5,5
Berrío
Sua
entrega é de levantar a torcida, mas falta calma – ou técnica – para
transformar as arrancadas em gol. Teve todos cruzamentos cortados.
7,0
Everton
Boa
partida do camisa 22. Muitas vezes é quem leva o time de Zé Ricardo à área
adversária. Saiu de campo ovacionado – merecidamente – e cansado.
9,0
Guerrero
Foi o
Guerrero que a torcida do Flamengo quer. Abriu o placar, parou em Jandrei logo
em seguida e depois decidiu: mais dois gols e uma assistência.
6,0
Rhodolfo
Estreia
discreta na Ilha do Urubu. Jogou por pouco mais de 30 minutos e não foi muito
exigido pelo ataque da Chapecoense.
5,5
Rômulo
Entrou
já com a vitória próxima e logo tomou um cartão amarelo.
6,0
Vinicius Júnior
Mostrou
a velocidade, ousadia e técnica nos minutos finais. Estava impedido em lance
que acabou tendo gol anulado. Seria seu primeiro.
7,5
Zé Ricardo
A
escalação inicial se mostrou acertada. Berrío e Arão deram equilíbrio ao time e
contribuíram para as grandes atuações de Diego e Guerrero.
CHAPECOENSE
5,0
Jandrei
Sem
culpa nos gols, evitou um placar mais elástico a favor do Fla.
5,0
Apodi
Fez
boa dobradinha com Rossi no ataque, deixando muito espaço atrás.
4,5
Douglas Grolli
Certa
insegurança na saída de bola e nas jogadas aéreas.
4,0
Victor Ramos
Bateu
cabeça com o companheiro e vacilou nos gols do Fla.
5,0
Reinaldo
Ficou
preso na defesa por conta da presença de Berrío.
5,0
Andrei Girotto
Não se
encontrou no meio, atrasado em vários lances.
6,0
Luiz Antônio
Tem
qualidade com a bola nos pés, mas largou Diego no 1 gol.
4,5
Seijas
Travou
o jogo da Chape e foi sacado por Vagner Mancini no intervalo.
6,0
Rossi
Bem no
um contra um, não teve a mesma qualidade nos cruzamentos.
5,5
Arthur Caike
Deu
trabalho nos primeiros minutos, mas depois sumiu.
4,5
Wellington Paulista
Foi
engolido por Juan. Mal participou do duelo na Ilha.
6,0
Perotti
Deu
novo gás ao time na volta do intervalo, mas acabou bem marcado.
5,5
Túlio de Melo
Em
poucos minutos já havia finalizado mais que W. Paulista.
5,5
Lucas Mineiro
Entrou
com o Flamengo em cima e não teve o que fazer.
5,0
Vagner Mancini
A
derrota foi dura, mas a Chape teve bons momentos no jogo.

Compartilhe

O FlaHoje é um portal eletrônico de notícias voltado exclusivamente os torcedores do Flamengo. Nosso objetivo é mostrar as principais notícias com qualidade, rapidez e imparcialidade, focando notícias do nosso time favorito, o Rubro-Negro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.