quinta-feira, setembro 24, 2020
Início Notícias Agora vai?

Agora vai?

Blog
Urubuzada – Após a excelente atuação na última quarta-feira (12), o Flamengo do
técnico Cristóvão Borges certamente terá mais motivação para enfrentar o
Palmeiras, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Allianz Parque, no novo
horário sensação desta competição, às 11 h da manhã de domingo. O rubro-negro
vem esperançoso, pois deseja embalar de vez na competição se aproximar mais e
mais da parte superior da tabela, enquanto que o alviverde imponente vem de uma
sequência de três resultados negativos – inclusive perdendo para um dos times
de pior campanha, o Coritiba (2×1) – e deseja voltar ao G-4 o mais rápido
possível. O confronto de gigantes promete.

Uma
boa atuação, embora jogando com desfalques, de fato, é deveras alvissareira. A
equipe soube se postar bem, conseguiu se impor e dominar por completo o Atlético-PR.
Ederson estreou muito bem e, mesmo sem ritmo, mostrou que tem bola para ser
titular facilmente. A baixa do jogo foi a atuação desastrosa da defesa, uma vez
mais. O placar (3×2) não foi fiel ao que se viu em campo. Os paranaenses
acharam os dois gols, ambos em bola parada e com falhas crassas na zaga,
primeiro Wallace e depois César Martins – sobre o “capitão”, não há
mais nada para comentar – que, mesmo sendo altos sofreram com dois jogadores de
baixa estatura. O ponto alto foi o desenho tático e a proposta de jogo de
Cristóvão. Recuou Alan Patrick para jogar como segundo volante, abriu Márcio
Araújo pelo lado e deixou Ederson, Everton e Emerson Sheik flutuando no ataque,
alternando as posições. Brilhante! E o melhor de tudo: ele soube pensar bem para
executar as substituições, e não recuou o time em nenhum momento. Flamengo como
Flamengo, como o torcedor gosta de ver.
Assim
como em todo lugar, quando há vitórias, as crises são deixadas de lado.
Percebe-se exatamente isso quando se fala do atual treinador rubro-negro.
Criticadíssimo pelos resultados pífios contra Santos e Ponte Preta, saiu com
todos os louros ao término do último jogo. Consoante ao que foi dito
anteriormente, ele conseguiu impor suas características enquadrando-se no estilo
de jogo histórico do Flamengo – o golaço do Alan Patrick remontou a um certo
camisa 10… – que se caracteriza por jogar sempre tomando a iniciativa das
ações e nunca recuado, com os enfadonhos e arcaicos três volantes. Com as
opções do atual elenco, não há como fugir disso. É mais que visível a melhora e
competitividade adquiridas e, com isso, mais confiança para alcançar as
vitórias.
Quanto
a domingo, a proposta deverá permanecer a mesma, e o grupo contará com o
retorno de Paolo Guerrero para fechar o ataque. Ederson terá continuidade e o
goleiro César segue na posição. Lesionado, Paulo Victor nem relacionado será,
bem como na quarta. Pelo lado palestrino, o foco é retornar a vencer e
convencer, ainda mais jogando em casa. Considerado como o melhor técnico do
futebol brasileiro, o perspicaz Marcelo Oliveira conta com Zé Roberto (jogará
no lugar de Egídio na LE), Arouca, Dudu e Rafael Marques, principalmente, a fim
de ditar ritmo, dominar as ações e vencer em seus domínios. A principal arma do
alviverde são as jogadas bem trabalhadas e as rápidas transições entre defesa e
ataque, tornando, assim, o modo de jogo mais veloz e eficiente. A zaga, como na
maioria das outras equipes, é o maior motivo para preocupação, por ser
extremamente vulnerável. Nota-se, portanto, um equilíbrio evidente.
Finalmente,
aquela velha incógnita paira sobre os rubro-negros. Na maioria das vezes, muito
otimismo acarreta em derrotas e acaba desmotivando. Uma vez mais, o apoio e uma
atuação impecável deixarão gostosas recordações e nos motivarão a almejar
horizontes dignos de Flamengo. Será que agora vai? Que as linhas de 2015
terminem em explosão de júbilo, coroando-nos vencedores.
VAMOS,
FLAMENGO! SRN
Brian
Bentes

MAIS LIDOS

Conmebol nega pedido do Fla para inscrever mais dez atletas na Libertadores

O Flamengo sofre com o surto de contaminação pelo novo coronavírus instalado no clube. 16 jogadores pegaram Covid-19 nos últimos dias e a equipe...

Jair Ventura pede atacante do Flamengo pagando 100% do salário

O Flamengo possui um dos times mais qualificados do futebol sul-americano. Com tamanha qualidade técnica, é certo que muitos jovens atletas não terão a...

Cada um pensando em seu próprio umbigo

Muito do que tem acontecido nas últimas horas no futebol brasileiro serve para reforçar algo que já é histórico em relação a nossos dirigentes:...

Dirigente espera poder contar com atletas infectados na quarta

O Flamengo está passando por um surto de covid-19 em seu elenco. Ao todo, são 23 casos, inclusive entre comissão técnica e dirigentes. O...