quinta-feira, outubro 1, 2020
Início Notícias Análise tática do Flamengo de Muricy Ramalho.

Análise tática do Flamengo de Muricy Ramalho.

PAINEL TÁTICO: Muricy Ramalho chegou ao Flamengo falando em
títulos e projeto. Comandar o clube de maior torcida no país com investimentos
em tecnologia e estrutura seduziu o treinador, “reciclado” após o
período de estágio no Barcelona.
Do estágio vem as comparações que nunca são saudáveis e
também alguns dos novos conceitos que Muricy quer implantar: posse de bola para
controlar o jogo e agredir o adversário, indo de Paulo Victor até Guerrero com
passe e bola pelo chão, compactação defensiva para tirar espaços e movimentação
para criar apoio e permitir as infiltrações de Arão, Cirino e Sheik, os
“velocistas” que aceleram o jogo.
Jogando num imutável 4-3-3 em 9 jogos oficiais, a execução
desse modelo definido vem melhorando, principalmente com a entrada de Cuéllar,
Mancuello e Cirino na equipe, como nos 5×0 sobre o Resende. Descontada a
fragilidade do adversário, atuação com controle de jogo e “posse de bola
boa”, como Muricy quer.

Arte: GloboEsporte.com
Nem tudo é perfeito: falta intensidade. O físico em início
de temporada ainda não permite, e os métodos de Muricy – coletivos que
privilegiam o posicionamento – não engloba a velocidade do jogo. Mesmo assim, o
Fla pode evoluir pois possui um modelo bem definido, como você vê abaixo:
Construção de jogadas: Cuéllar, Mancuelo e Arão dão
qualidade e apoio ao meio-campo
O Flamengo trabalha as jogadas com movimentação para gerar
linhas de passe e acionar os laterais e pontas no ataque. Cuéllar sempre inicia
as jogadas entre os zagueiros e o restante do time se movimenta para dar opções
para ele e quem receber. Isso se chama APOIO, e é a base do meio-campo do Fla:
movimentação e troca de passes até chegar em Cirino ou Sheik.
Organização
defensiva: linhas baixas e compactação
Sem a bola, o Flamengo retorna até o círculo central,
formando um bloco. A orientação é para que Sheik, Cirino, Mancu e Arão fiquem
alinhados, com Cuéllar mais atrás. Trabalhando com encaixes individuais, o
camisa 23 e 5 sempre tentam pressionar os meias e volantes adversários (1º
imagem), levando a bola para os lados (2º imagem). Mesmo não tão compacto, o
Fla neutraliza o oponente pressionando bem a bola e evitando que os adversários
cheguem na pequena área – foi apenas um gol levado de bola rolando.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Guerrero:
movimentação inteligente que cria espaços na frente
Envergar a 9 do Flamengo não é fácil. Apesar da excessiva
cobrança por gols, Paolo Guerrero colabora de uma forma mais tática, se
movimentando muito e abusando das jogadas de pivô. Assim ele quebra a linha
defensiva do adversário – 1 ou 2 vão com ele – e cria espaços no terço final,
zona onde os gols saem. A imagem mostra exatamente isso: Guerrero desmancha a
defesa e abre um buraco (em vermelho) para Cirino infiltrar em velocidade.
Observe que Willian Arão acompanha e Sheik pode cortar para dentro. Tudo em um
movimento que, se bem executado, pode render muito bem.

Foto: Reprodução
A análise mostra um pequeno recorte do ano rubro-negro –
15% da temporada. Mas, para que o Flamengo não dependa sempre de interinos, é
preciso entender títulos como fruto de um trabalho e um processo. Algo que
acabou de começar com Muricy Ramalho.

MAIS LIDOS

Jogador do Del Valle vê resultado injusto

A vitória do Flamengo sobre o Independiente del Valle, por 4 a 0, nesta quarta-feira, fez com que o Rubro-negro desse um salto na...

Lincoln brilha em partida que poderá ter sido a última pelo Fla

Diante de tantos desfalques, surgiu para Lincoln algumas novas oportunidades de aparecer no elenco. O jogador ainda possui 19 anos, é um jovem em...

Grata surpresa: Flamengo tem elenco maior do que imaginava

O cenário nos últimos dias era caótico, o Flamengo simplesmente não tinha time para entrar em campo. Ou será que tinha? Bem, a realidade...

Jordi Guerrero recebe eleogios da torcida: ”Fica”

A vitória do Flamengo por 4 a 0 foi muito comemorada pelos torcedores nas redes sociais. Com o resultado, o Fla se garantiu nas...