As notas da vitória do Flamengo em Guayaquil

Por: FlaHoje

Em partida complicada pela Libertadores o Flamengo conseguiu uma vitória super importante. Com gols de Pedro e Arrascaeta, o rubro-negro bateu o Barcelona de Guayaquil por 2 a 1 no Equador. A vitória deixa o Flamengo com 9 pontos no grupo, seis acima do terceiro colocado Junior Barranquila, que ainda joga na rodada, contra o Independiente Del Valle.

O Flamengo também empata momentaneamente em pontos com o líder Del Valle e agora tem vida menos complexa no grupo. Caso o Junior Barranquilla não vença a partida de hoje, o Flamengo terá duas oportunidades em casa para se classificar, bastando vencer uma das partidas.

Confira agora as notas da suada vitória rubro negra.

César – 5,5

Praticamente não foi exigido na partida, bem o simples em bolas aéreas. Mas no gol do Barcelona, deixou o canto direito aberto em saída espalhafatosa.

Thuler – 5,0

Fez o que pôde na sua “nova posição”, mas pecou principalmente no posicionamento, dando muito espaço para o ataque do Barcelona pela esquerda. Assustou em vários momentos, normal para um zagueiro improvisado.

Rodrigo Caio – 6,0

O mais seguro da defesa, mas ainda sim falhou em duas oportunidades dando a posse de presente ao Barcelona, que se tivesse maior qualidade, teria complicado a vida rubro negra.

Léo Pereira – 5,0

Bem no primeiro tempo, muito confuso no segundo. Léo Pereira não consegue passar confiança sequer ao mais otimista dos rubro negros. No lance do gol, resolve cobrir o jogador com a bola, mas se esquece de outro livre dentro da área. Renê poderia ter dado o bote no jogador com a bola que Léo desesperadamente foi marcar. Muito afoito.

Renê – 5,0

Extremamente limitado, Renê como sempre se reserva a fazer o básico, mas as vezes o time precisa de algo mais. Errou passes bobos, perdeu posses de bola desnecessárias e não produziu nada na frente. Do ponto de vista ofensivo o Flamengo jogou sem dois laterais. Na marcação, em boa parte do tempo foi seguro.

Thiago Maia – 6,0

Cobriu bem a frente da área em vários momentos, bem como deu qualidade a saída de bola. Fez desarmes importantes e até tentou ajudar também na frente. Apesar da qualidade de forma geral, errou passes perigosos.

Arão – 5,5

Conseguiu ajudar na frente da área, apesar de em alguns momentos ficar perdido na marcação. Não ajudou tanto na frente como poderia.

Gérson – 7,0

Um dos melhores em campo, Gérson atuou pelo lado esquerdo e impôs muita velocidade ao time, na verdade de todos em campo, era o único com essa característica. Criou a jogada do primeiro gol e foi fundamental durante todo o restante de partida. Válvula de escape na frente, gastou tempo com sua categoria e porte físico, e ajudou na defesa. Atuação digna de 2019.

Everton Ribeiro –  6,0

O pior no sistema ofensivo. Everton parecia cansado em campo, não é para menos, são muitos jogos. O meia acabou não conseguindo criar boas chances e pouco ajudou na defesa. Pelo menos, sua condução de bola serviu para segurar o jogo e esfriar o Barcelona.

Arrascaeta – 7,5

Arrasca participou do jogo o tempo todo. Marcou, pressionou, produziu na frente, fez gol, deu assistência (Pedro perdeu o gol), enfim, fez tudo que se espera dele. Grande atuação.

Pedro – 7,0

Autor de um dos gols, Pedro não se limitou apenas a isso. Participou diretamente do segundo gol e prendeu muito bem a bola no campo de ataque, principalmente no primeiro tempo. Aliás, o camisa nove da partida foi certeiro, na primeira oportunidade que teve balançou as redes, algo que vem sendo cobrado de Gabigol. Fundamental na vitória do Flamengo. No segundo tempo, perdeu uma oportunidade logo após o gol do Barcelona.

Lincoln e Ramón jogaram por pouco tempo, ficam sem nota.

Domenec – 5,5

Fez o básico, sem opções para escalar, Dome escolheu os atletas que tinha a disposição. Preferiu por Thuler na direita, decisão compreensível, pois assim Renê ficou do seu lado. Errou ao não colocar um atleta de velocidade no segundo tempo, mesmo que da base. Precisa ver urgentemente o posicionamento de sua defesa, totalmente equivocado. Não é possível detectar que seu trabalho tenha sido peça chave da vitória do Flamengo. Apesar de ter se virado como deu.

Leia também: César é criticado pela torcida mesmo após vitória

Veja também: Fora de casa, Mengão vence o Barcelona de Guayaquil por 2 a 1

Aloizio Pita de Castro Jr
Aloizio Pita de Castro Jr
Um grande amante do futebol e principalmente do Flamengo. Redator com grande experiência e trabalhos em outros grandes portais. Hoje estou no Fla hoje.

MAIS LIDOS

Paulinho é contrato por time do Espirito Santo

O Flamengo teve nomes que não se destacaram muito ao longo dos últimos anos. Entretanto, alguns atletas ficaram marcados de alguma forma com a...

Dirigente do Atlético-MG ataca Flamengo por posição na CBF

O dirigente do Atlético-MG, Lásaro Cândido, usou de suas redes sociais para reclamar (mais uma vez), de arbitragem. E mesmo que seu clube já...

Presidente do Inter detona escala do VAR no duelo contra o Fla

O Flamengo tem jogo válido pela Libertadores nesta quarta-feira, entretanto, como o Rubro-negro já está classificado e não tem mais chances de ser o...

Novo patrocinador deve pagar quantia milionária ao Fla

O Flamengo continua sendo o clube brasileiro mais procurado por patrocinadores. O grande campeão da temporada passada vê o seu prestígio aumentar ainda mais...