• Início
  • Notícias
  • Assim como ano passado: Flamengo prevê relação conturbada com CBF em 2020
Publicidade

Assim como ano passado: Flamengo prevê relação conturbada com CBF em 2020

Publicidade

O Flamengo ano passado acabou passando por alguns atritos com a CBF, principalmente pelas convocações da seleção brasileira. Se por um lado a CBF “tirou” do clube jogadores importante em meio da temporada como Bruno Henrique e Gabigol o Flamengo também disse não a CBF quando ela tentou, por algumas vezes, ter Reinier a disposição da equipe sub-20.

E a tendência é que o ano de 2020 seja de relação ainda mais complicada, e isso quem imagina é a própria diretoria do clube. Com um elenco farto de grandes jogadores e 10 possíveis convocados integrando o time, o Flamengo entende que sofrerá muitos desfalques durante a temporada. Até por isso o vice de futebol Marcos Braz resolveu pautar o mercado de 2020 em reforços para o elenco.

E como se não bastasse o elenco de qualidade, esse ano tem Copa América, e em mais um sinal de desrespeito ao futebol brasileiro, a CBF definiu que os campeonatos nacionais não irão parar durante a competição. Assim, esses jogadores perderiam quase 25% do Campeonato Brasileiro apenas por estar com a seleção. Isso sem contar os amistosos.

Landim comentou sobre essa situação e sobre Tite em entrevista na noite de ontem a TV Brasil:

Conheço o Tite pessoalmente e lembro do que dizia durante sua última passagem pelo Corinthians, quando ele ponderava que a Seleção não podia desfalcar seu time em momentos importantes. Espero que isso pese nas convocações ao longo de 2020 para que o meu clube não seja prejudicado“, disse.

Flamengo lutará por seus interesses

Landim ainda deixou claro que não “deixará barato” e irá lutar pelo bem do Flamengo em campo. A expectativa da direção é de muitos títulos para 2020, e a seleção não pode atrapalhar esse planejamento segundo o dirigente.

“Normalmente, em convocações das seleções nacionais, já ficamos sem o Arrascaeta (titular da equipe uruguaia). Se perdermos mais dois ou três jogadores, a cada compromisso da Seleção Brasileira, isso pode nos representar um estrago muito grande e comprometer todo nosso planejamento.”

O presidente do Flamengo irá se reunir com o da CBF nos próximos dias, e dentre vários temas, esse será um dos tratados. A primeira convocação de Tite deverá ocorrer na primeira semana de março. Onde a seleção irá enfrentar a Bolívia e o Peru pelas eliminatórias.

 

Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod