• Início
  • Notícias
  • Caio Ribeiro define Jesus como ‘fantástico’, mas critica substituições do Mundial
Publicidade

Caio Ribeiro define Jesus como ‘fantástico’, mas critica substituições do Mundial

Publicidade

O Flamengo disputou a final do Mundial de Clubes depois de 38 anos da primeira conquista. O adversário? Ninguém menos do que o Liverpool, campeão europeu. O Mais Querido fez uma partida fantástica e até dominou o jogo em alguns momentos. No entanto, depois das saídas de Arrascaeta e Everton Ribeiro, o Rubro-Negro perdeu em criação e ‘sofreu’ com os ingleses. Caio Ribeiro avaliou as escolhas de Jorge Jesus e criticou as substituições do português.

– O Jesus é fantástico. O Jesus elevou o nível do futebol brasileiro. E até os caras diferentes erram, e eu acho que ele errou. Pensou em duas substituições que, na minha visão, pelo que o jogo estava pedindo, não surtiram efeito e não surtiriam efeito. Porque? Porque ele não tirou o Gabigol, que tava tão desgastado e participando tão pouco do jogo, como Arrascaeta e o Everton Ribeiro? Porque ele sabe que o Gabigol pode decidir o jogo numa bola. E a bola que caiu no pé do Lincoln, se cai no pé do Arrascaeta, é gol, porque o Arrascaeta dificilmente perde (…) Eu, assistindo o jogo, na hora que ele faz essas duas mexidas, e num primeiro momento, o Diego entrou mais adiantado, ele não entrou no lugar do Gerson… Ali eu falei: “matou o Flamengo” -, analisou o comentarista, no programa Bem, Amigos! da SporTV.

FOTO: GIUSEPPE CACACE / AFP

O Flamengo conseguiu dar trabalho para o melhor time da Europa e jogou de igual para igual com os ingleses. A partida terminou empatada em 0x0 no tempo regulamentar, e foi para a prorrogação. O Liverpool, em meio de temporada, conseguiu aproveitar o cansaço do Rubro-Negro, que disputava o último jogo do ano. Os REDS só precisaram de um lance para garantir o campeonato mundial: Firmino marcou e o duelo terminou em 1×0.

O Mais Querido fez um ano fantástico em 2019 e o título de campeão mundial seria a ‘cereja do bolo’. No entanto, o Mengão terminou a temporada como o segundo melhor time do Mundo e com três taças na bagagem: as conquistas do Carioca, Brasileirão e da Copa Libertadores da América.

Por: Coluna do Fla

Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod