01

Ceni fala sobre o momento delicado que vive o Flamengo e entende as críticas

Depois de perder para o Atlético de Madrid por 2 a 1, o Flamengo ficou sob maior pressão. O técnico Rogério Ceni defendeu seu trabalho e mais uma vez destacou a falta de times nos jogadores da Copa América.

O comandante do Rubro Negro afirmou compreender a insatisfação dos torcedores com os momentos de oscilação da equipe, duas vitórias e quatro derrotas nos últimos seis jogos. O mesmo volta a afirmar que confia que a torcida anime com a volta das vitórias.

“Compreendo todas as críticas, entendo o torcedor. Não é natural, é importante vencer. O trabalho vem sendo feito, os jogadores vêm se empenhando ao máximo. É o nono jogo com ausências importantes. Entendo todas as críticas, mas sigo meu trabalho. Temos que ganhar os jogos para dar ânimo”, disse ele, que negou problemas de relacionamento:

Ceni Flamengo
Foto: Flamengo

“Minha relação e o trabalho com os atletas é o mesmo desde o primeiro dia. Eu os trato da mesma maneira e sinto o retorno de cada um. Lógico que quem joga está mais feliz. Isso é natural.

Após o fracasso que foi a 10° rodada do Brasileirão; o Flamengo ocupa a 11° posição na tabela. Mas vale ressaltar que, o clube carioca tem dois jogos a menos que a maioria dos outros times. Para a próxima rodada, o jogo será domingo (11), tendo o rival a Chapecoense, às 18h15, no Maracanã.

Rogério Ceni

Rogério Mücke Ceni, mais conhecido apenas como Rogério Ceni é um técnico e ex-futebolista brasileiro que atuava como goleiro. Atualmente comanda o Flamengo. Revelado em 1990 pelo Sinop, do Mato Grosso, foi contratado no mesmo ano pelo São Paulo, equipe da qual foi titular de 1997 até 2015.


© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod