• Início
  • Notícias
  • Chefe do DM do Flamengo conta detalhes sobre sucesso na recuperação dos atletas
Publicidade

Chefe do DM do Flamengo conta detalhes sobre sucesso na recuperação dos atletas

Publicidade

O Flamengo está vivendo uma fase incrível nesta temporada. A possibilidade de conquistar dois importantes títulos no ano, o da Copa Libertadores da América e o Campeonato Brasileiro, está diretamente ligada à saúde dos jogadores. Um time que disputa duas competições ao mesmo tempo, precisa de um elenco bem e em condições de jogo. Neste quesito, o departamento médico vem dando um show. Filipe Luís, Rafinha e Arrascaeta, se lesionaram antes da ‘decisão’ contra o Grêmio, pela Liberta; o empenho do DM no tratamento dos atletas deixou ambos com condições de jogo e os três jogaram os 90 minutos da goleada por 5×0. Chefe do departamento, o Dr. Márcio Tannure reforça o trabalho da equipe médica.

– Não a toa, nos últimos três anos, o Flamengo foi o clube que teve menos lesões aqui no Brasil, né. Então, acho que isso é a consolidação do que a gente vem trabalhando e buscando, incansavelmente: ser referência na nossa área. E a nossa função aqui é tentar colocar a maior quantidade de atletas disponíveis para o nosso treinador, no menor tempo possível, afirmou.

FOTO: REPRODUÇÃO / INSTAGRAM

Quando o assunto é “menor tempo”, a atuação do departamento médico impressiona ainda mais. Em julho, na partida contra o Emelec, Diego Ribas sofreu uma lesão grave no tornozelo esquerdo e foi submetido à cirurgia. A previsão inicial de volta variava entre quatro e cinco meses, mas Diego foi liberado e ficou à disposição de Jorge Jesus em tempo recorde: menos de três meses. O camisa 10 voltou aos gramados na partida contra o Grêmio, por alguns minutos. Em entrevista à Conmebol, Tannure destaca a confiança dos atletas no trabalho do DM.

– Isso a gente não conseguiria sem, primeiramente, a adesão, a confiança, a vontade e o profissionalismo dos jogadores. Por isso que ter esse reconhecimento é muito importante, porque eles confiam no que foi traçado, nas metas, mesmo em alguns momentos sendo desafiadoras, completou o doutor.

O jogo mais importante do ano para o Mais Querido, está próximo: a final da Libertadores será disputada no dia 23 de novembro, em Lima, no Peru. Até lá, o Rubro-Negro está com foco total no Brasileirão. O Flamengo entra em campo novamente nesta quinta-feira (07), às 20h (de Brasília), pelo campeonato nacional. A partida contra o Botafogo, válida pela 31ª rodada, será no Nilton Santos.

Por: Coluna do Fla

Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod