quinta-feira, outubro 1, 2020
Início Notícias Choque de realidade: técnico vê Flamengo longe da meta.

Choque de realidade: técnico vê Flamengo longe da meta.

SPORTV
– O Flamengo sofreu mudanças drásticas em seu elenco. Foram quatro contratações
para suprir perdas importantes no grupo, sem contar a chegada de Tiagão apenas
para enfrentar o Orlando Magic. Com isso, em quadra, o time sofreu com a falta
de entrosamento e mostrou que ainda precisará evoluir muito para defender o
título do Novo Basquete Brasil (NBB) e voltar a conquistar a Liga das Américas.

O
técnico José Neto reconheceu o caminho árduo pela frente. Rafael Luz, JP
Batista, Rafael Mineiro e Jason Robinson ainda procuram o espaço destinado a
eles em quadra. A saída de Nico Laprovittola, Victor Benite e Walter Hermann
mostrou que pode pesar para o elenco, sem contar Cristiano Felício, que está
com o Chicago Bulls na NBA, a liga americana de basquete.
A
derrota por 90 a 73 para o Orlando, em um jogo válido como pré-temporada, no
sábado, na Arena da Barra, pode ser considerado um choque de realidade para o
time. Neto tinha esperança de um rendimento melhor, mas viu do outro lado a
força de conjunto que deseja encontrar no seu grupo em um futuro próximo.
– Está
não mais do que 30% do que desejo e precisa para ter sucesso na temporada.
Falava no vestiário para eles que esperava mais, era o meu sentimento. Mas
imagina, é contra o Orlando Magic, um time da NBA. Passamos muito tempo
vencendo e desaprendemos a perder. As coisas que aconteceram vão nos fazer
crescer como equipe – afirmou Neto.
Entre
os reforços contratados, Rafael Luz saiu de quadra zerado na pontuação, errando
as seis tentativas de arremesso. Ele contribuiu com três assistências, sete rebotes
e três roubadas em quase 30 minutos de quadra. O americano Jason Robinson
marcou apenas cinco pontos e pegou cinco rebotes em 32 minutos. Depois de uma
maratona de viagens, Rafael Mineiro jogou apenas 11 minutos e marcou quatro
pontos. JP Batista foi o mais efetivo, com 13 pontos e seis rebotes. Tiagão fez
seis em dois arremessos de três pontos.
– Não
acredito que um jogador atua bem ou mal quando pontua ou não. Temos muito o que
trabalhar. São jogadores agregados aos poucos, não só em termos técnicos, mas
físicos também. Há muita coisa para fazer. Gostei de como foi montado como time
– explicou o treinador.
Toco,
roubada de bola, enterradas e rivais no chão: o top 5 de Fla x Orlando
Dieckmann
torce pelo Fla ao lado dos filhos e analisa diferença para o Magic
Confira
a galeria de fotos com as celebridades que prestigiaram o NBA Global Games
Consciente
da importância dos jogadores que deixaram o clube, Neto procurou valorizar o
que tem em mãos. Para ele, é preciso deixar para trás as conquistas do passado
e pensar no futuro que o time tem pela frente.
– Isso
ficou para a história e o Flamengo será eternamente grato a esses jogadores.
Mas temos que pensar em quem chegou. Será uma forma diferente de jogar pelas
características dos jogadores, mas um time forte com grandes expectativas –
prometeu o treinador.

MAIS LIDOS

Jogador do Del Valle vê resultado injusto

A vitória do Flamengo sobre o Independiente del Valle, por 4 a 0, nesta quarta-feira, fez com que o Rubro-negro desse um salto na...

Lincoln brilha em partida que poderá ter sido a última pelo Fla

Diante de tantos desfalques, surgiu para Lincoln algumas novas oportunidades de aparecer no elenco. O jogador ainda possui 19 anos, é um jovem em...

Grata surpresa: Flamengo tem elenco maior do que imaginava

O cenário nos últimos dias era caótico, o Flamengo simplesmente não tinha time para entrar em campo. Ou será que tinha? Bem, a realidade...

Jordi Guerrero recebe eleogios da torcida: ”Fica”

A vitória do Flamengo por 4 a 0 foi muito comemorada pelos torcedores nas redes sociais. Com o resultado, o Fla se garantiu nas...