sábado, setembro 19, 2020
Início Notícias Com 17 gols, Guerrero fica perto da marca de 50 jogos pelo...

Com 17 gols, Guerrero fica perto da marca de 50 jogos pelo Flamengo.

Foto: Fred Gomes

GLOBO
ESPORTE
: Primeira contratação de impacto da atual gestão, Paolo Guerrero chegou
ao Flamengo a todo vapor e, após o segundo confronto pelo clube, já tinha
musica: para a torcida, carente por um camisa 9 desde a saída de Hernane, o
“caô” estava acabado em ritmo de funk. Nas três partidas, mesmo
número de gols. Nas três seguintes, cartões amarelos em todas, a primeira
suspensão e o início de um jejum que durou mais de um mês. Entre altos e baixos
num período de um ano e um mês desde sua estreia, o peruano chega ao seu 50º
jogo neste sábado, às 16h, na Arena Pernambuco, onde o Fla encara o Sport. Até
agora são 17 gols e 18 amarelos que tornaram sua relação com os fãs bastante
oscilante.

Após a
disputa da Copa América 2015, no Chile, Paolo Guerrero desembarcou no Rio em 7
de julho, foi apresentado e viajou à noite para Porto Alegre. No dia seguinte,
estreou pelo clube com um gol e uma bela assistência na vitória por 2 a 1 sobre
o Internacional, no Beira-Rio, palco que não testemunhava triunfo rubro-negro
desde 2002. Nos duelos seguintes, um gol contra Náutico e outro diante do
Grêmio. Mais seis pontos na conta flamenguista.
A lua
de mel acabou rapidamente, e o peruano encarou seu primeiro jejum como
rubro-negro. Ficou cinco jogos sem marcar, de 18 de julho a 23 de agosto (um
mês e cinco dias), quando balançou a rede do São Paulo e se emocionou muito na
comemoração do gol que deu a vitória por 2 a 1 ao Flamengo.
Depois
do gol sobre o Tricolor, a fase mais complicada de Paolo na Gávea. Não foi mais
às redes em 2015, somou cinco cartões (quatro amarelos e um vermelho) e sofreu
lesão de ligamento no tornozelo direito no início do empate por 1 a 1 com o
Vasco, que eliminou o Flamengo da Copa do Brasil. O problema o tirou de ação
por 25 dias. A seca só chegou ao fim em 27 de janeiro de 2016 – cinco meses
(157 dias) e em grande estilo: fez os dois da vitória por 2 a 0 sobre o
Atlético-MG.
Na
temporada corrente, a oscilação segue. Já foram 11 cartões amarelos, dois deles
recebidos em duelos com o Vasco em que sucumbiu à provocação do zagueiro rival
Rodrigo. Também encarou novo jejum de cinco jogos, entre 9 de março e 9 de
abril, mas o momento atual é bastante favorável.
Marcou
três gols nos últimos cinco compromissos, tem jogado bem e seu nome é gritado
pela torcida a plenos pulmões em cada estádio por onde o Flamengo joga. Nas
viagens, é sempre o mais procurado e não hesita em atender os fãs. No sábado
passado, antes do 1 a 0 sobre o Atlético-PR, em Cariacica, ao deixar o hotel do
time em direção ao ônibus, gastou um bom tempo entre autógrafos e fotos.
Gols pelo Flamengo:
2×1
Internacional
2×0
Náutico
1×0
Grêmio
2×1
São Paulo
2×0
Atlético-MG (dois)
1×1
Boavista
5×0
Portuguesa-RJ
2×1
Fluminense
1×1
Figueirense
3×0
Boavista   
3×0
Bangu
1×2
Fortaleza
1×2
Fluminense
3×3
Botafogo
2×1
América-MG
2×0
Coritiba

MAIS LIDOS

Os pecados da diretoria na escolha do novo treinador

A diretoria rubro-negra logo que informada da saída de Jorge Jesus, deixou algo bem claro, gostaria de contar novamente com um estrangeiro. Tal decisão...

Opinião: Dias contados para Domenec no Flamengo

Uma derrota vexatória diante do Independiente Del Valle, uma atuação totalmente desinteressada e uma torcida que perdeu a paciência, esses e outros fatores apontam...

Jorge Jesus é relembrado por torcedores do Flamengo após goleada

Jorge Jesus marcou seu nome na história do futebol brasileiro e do Flamengo. Com cinco títulos na bagagem, o português deixou o Mais Querido...

Fla: Comentarista faz duras críticas à Domènec após goleada

A goleada sofrida pelo Fla na última quinta-feira (17), por 5 a 0, contra o Independiente Del Valle, do Equador, fez com que muitas...