Flamengo comemorando

Conmebol realiza mudanças no regulamento da Libertadores

A Conmebol realizou algumas mudanças no regulamento da Libertadores e isso já vale a partir de 2020. O novo documento contém 227 páginas e algumas medidas mais rigorosas. O jornalista Rodrigo Mattos divulgou em seu blog alguns detalhes, que vão desde a hidratação até o uso das redes sociais dos atletas que forem disputar o torneio.

Membros das delegações só poderão fazer postagens que levem em conta o Fair Play, sem poder divulgar a informações de terceiros. Ainda sobre as redes sociais, será punido quem fizer comentários difamatórios, obsceno e racistas, indo contra o que diz o Estatuto Social da Conmebol.

Ainda sobre as redes sociais, os clubes não poderão realizar imagens da partida. Em 2019 já foi assim, e os funcionários só poderão criar conteúdo para os perfis oficiais até 20 minutos antes da bola rolar em cada partida válida pela competição.

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

Outra punição que foi destacada e ainda teve a multa aumentada foi a de atraso no início dos tempos. Em 2019, o Flamengo recebeu punições com Abel Braga e também com Jorge Jesus. O valor era de R$ 60 mil e passa a ser R$ 201 mil. O treinador ainda ficará suspenso para o próximo jogo do time no torneio.

O Flamengo foi julgado em muitas oportunidades por conta de punições da Conmebol no ano passado. Outras multas que seguem valendo para 2020 são: gandulas expulsos (US$ 10 mil), não cumprir obrigações com a imprensa (US$ 5 mil), não devolver os coletes da Conmebol (US$ 3 mil) ou usar uniforme fora do padrão (US$ 15 mil).

Por: Coluna do Fla

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.