segunda-feira, setembro 28, 2020
Início Notícias Contratações Tiro certeiro: Flamengo abrirá os cofres por Robinho.

Tiro certeiro: Flamengo abrirá os cofres por Robinho.

UOL – Vanderlei
Luxemburgo e membros da diretoria do Flamengo travaram uma ‘guerra’ nos
bastidores do clube por conta do planejamento para a disputa do Brasileiro. De
um lado, o treinador tentava mostrar a importância de trazer reforços de peso
para o elenco. Do outro, um discurso pés no chão de austeridade financeira. O
comandante rubro-negro levou a melhor e já tem até um sonho de consumo:
Robinho.

O
atacante do Santos é um antigo desejo do Flamengo, que jamais conseguiu avançar
na negociação. Com o fim dos estaduais, o Rubro-negro já tomou uma decisão e
abrirá os cofres para trazer o camisa 10 que tanto sonha. A chegada do jogador
significaria um investimento para comandar o atual elenco dentro de campo, mas
não somente isso.
O
Flamengo acredita que Robinho tem potencial e carisma necessários para ser o
garoto propaganda ideal e alavancar o programa de sócio-torcedor do clube,
atualmente na oitava colocação do país com pouco mais de 53 mil adesões. Com a
chegada do personagem, a diretoria projeta inflamar a torcida e alavancar as
inscrições.
Robinho,
no entanto, não é o único nome que o Flamengo espera ter no elenco para a
disputa do Brasileiro. Outra posição considerada carente de um jogador de peso
é o meio de campo. Após adiar o sonho de ter Montillo por conta de uma lesão do
argentino na China, o Rubro-negro tem uma lista de nomes e Alex, do
Internacional, está nela.
O
apoiador do Colorado tem contrato até julho e ainda não sabe se permanecerá em
Porto Alegre. Devido à identificação, o Internacional tem a preferência e uma
reunião nesta semana está agendada para definir o assunto. Caso não haja
acordo, o Flamengo entrará na briga para trazer Alex ao Rio de Janeiro.
A
criação das jogadas é uma tarefa que não foi resolvida no Flamengo desde a
saída de Ronaldinho Gaúcho. Lucas Mugni foi contratado em 2013 para solucionar
o problema, mas não se encontrou e passou a ser utilizado por Luxemburgo como volante
na atual temporada. Arthur Maia e Almir comporão elenco para um jogador mais
tarimbado. Sem Montillo, Alex é a bola da vez.
O
Flamengo tem pressa já que o Campeonato Brasileiro começa no domingo, quando o
time medirá forças com o São Paulo, no Morumbi. Existe a possibilidade de as
negociações já se iniciarem nessa semana, mas a tarefa não é das mais fáceis e
dificilmente terá uma definição rapidamente. Aguardemos as cenas do próximo
capítulo. Vanderlei Luxemburgo e membros da diretoria do Flamengo travaram uma
‘guerra’ nos bastidores do clube por conta do planejamento para a disputa do
Brasileiro. De um lado, o treinador tentava mostrar a importância de trazer
reforços de peso para o elenco. Do outro, um discurso pés no chão de
austeridade financeira. O comandante rubro-negro levou a melhor e já tem até um
sonho de consumo: Robinho.
O
atacante do Santos é um antigo desejo do Flamengo, que jamais conseguiu avançar
na negociação. Com o fim dos estaduais, o Rubro-negro já tomou uma decisão e
abrirá os cofres para trazer o camisa 10 que tanto sonha. A chegada do jogador
significaria um investimento para comandar o atual elenco dentro de campo, mas
não somente isso.
O
Flamengo acredita que Robinho tem potencial e carisma necessários para ser o
garoto propaganda ideal e alavancar o programa de sócio-torcedor do clube,
atualmente na oitava colocação do país com pouco mais de 53 mil adesões. Com a
chegada do personagem, a diretoria projeta inflamar a torcida e alavancar as
inscrições.
Robinho,
no entanto, não é o único nome que o Flamengo espera ter no elenco para a
disputa do Brasileiro. Outra posição considerada carente de um jogador de peso
é o meio de campo. Após adiar o sonho de ter Montillo por conta de uma lesão do
argentino na China, o Rubro-negro tem uma lista de nomes e Alex, do
Internacional, está nela.
O
apoiador do Colorado tem contrato até julho e ainda não sabe se permanecerá em
Porto Alegre. Devido à identificação, o Internacional tem a preferência e uma
reunião nesta semana está agendada para definir o assunto. Caso não haja
acordo, o Flamengo entrará na briga para trazer Alex ao Rio de Janeiro.
A
criação das jogadas é uma tarefa que não foi resolvida no Flamengo desde a
saída de Ronaldinho Gaúcho. Lucas Mugni foi contratado em 2013 para solucionar
o problema, mas não se encontrou e passou a ser utilizado por Luxemburgo como
volante na atual temporada. Arthur Maia e Almir comporão elenco para um jogador
mais tarimbado. Sem Montillo, Alex é a bola da vez.
O
Flamengo tem pressa já que o Campeonato Brasileiro começa no domingo, quando o
time medirá forças com o São Paulo, no Morumbi. Existe a possibilidade de as
negociações já se iniciarem nessa semana, mas a tarefa não é das mais fáceis e
dificilmente terá uma definição rapidamente. Aguardemos as cenas do próximo
capítulo.

MAIS LIDOS

Agente se revolta e não descarta a saída de Lincoln

O Flamengo mediu forças diante do Palmeiras, na tarde deste domingo, em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro. O time Rubro-negro foi a campo com...

Segundo Fábio Sormani, Flamengo usou de “laranja” para se beneficiar

Na tarde desta segunda-feira, o grande e responsável jornalista Fábio Sormani soltou mais uma daqueles declarações complicadas de se ingerir numa rede de televisão....

Presidente do Sport admite interesse em contratar atacante do Flamengo

O Flamengo possui uma das bases mais qualificados do futebol sul-americano. O Rubro-negro se acostumou a fazer grandes negócios com o mercado da Europa,...

O Brasil é de fato, a terra da hipocrisia

Toda a polemica envolvendo a partida do Flamengo domingo, diante do Palmeiras, mostra além da forma como cada dirigente só pensa em seu umbigo,...