Cruzeiro cogita liga com Cariocas e Paranaenses.

Por: Fla hoje

ESPN –
Primeiro, foram Flamengo e Fluminense no Rio de Janeiro. Depois, Atlético-PR,
Coritiba e Paraná em Curitiba. E agora é a vez do Cruzeiro se rebelar em Belo
Horizonte e cogitar abandonar a federação local. O presidente celeste Gilvan de
Pinho Tavares não descarta se unir com os demais clubes para formar uma liga
independente e diz ter sido procurado para conversar sobre o assunto nas
últimas semanas.

Segundo
o mandatário, o motivo da indignação é a recusa da federação mineira em
transferir o confronto decisivo com o Atlético-MG, pela semifinal do estadual,
para o próximo sábado, 18.
Em
caso de manutenção da partida no domingo, 19, o time voltará a campo em menos
de 60h de intervalo para enfrentar o Universitário de Sucre, na próxima
terça-feira, 21, pela Libertadores. O artigo 25 do Regulamento Geral de
Competições da CBF abre exceções para casos como esse somente em situações
excepcionais.
Gilvan
de Pinho contesta o fato de o presidente da federação mineira, Castellar
Guimarães Neto, insistir em escutar o rival Atlético-MG, visitante no segundo
jogo, quando o regulamento prevê que a mudança na tabela deveria considerar
apenas as partes diretamente interessadas: o time mandante (Cruzeiro) e a
detentora dos direitos de transmissão (Rede Globo).
Em
nota, a emissora não se manifestou contrária à alteração, mas ressaltou que o
Galo teria de concordar com ela..
O
representante cruzeirense acusa Castellar Neto de “trama interna” e
ainda de agir em favor de seu clube de coração, o Atlético-MG.
“Ele
dá cambalhota em vitórias do Atlético-MG, posta foto com camisa, deve ser tudo
bonito para ele. Não trabalho assim. Sou presidente do Cruzeiro. Ninguém me vê
com nossa camisa em viagens oficiais. É preciso ter a postura que o cargo exige
para não provocar seus demais filiados”, afirma Gilvan ao ESPN.com.br.
“É
por isso que agora sou favorável também (à criação de uma liga). Já fui
consultado e não pode continuar assim. É um assunto que está sendo falado e
vamos acelerar as conversas porque não dá para disputar o Mineiro com um
presidente desses”, prossegue.
Existe
uma articulação por parte do Coritiba para a volta da Copa Sul-Minas, conforme
mostrado pelo blog Dois Toques.
A
possibilidade não é rejeitada na Toca da Raposa II.
“Deixa
eu te falar. Essa conversa toda que está rolando é para boi dormir. O
presidente da federação é atleticano e um diretor da Globo Minas também, por
isso, estão tentando prejudicar o Cruzeiro e fazer com que joguemos num
intervalo de 49 horas, inferior ao permitido pela CBF. A federação diz que
precisa ter a concordância do Atlético-MG, mas isso é ela querendo tirar o
corpo fora. O seu presidente tem que tomar uma atitude”, conclui o
mandatário celeste.
Ele
prometia acionar a Justiça Desportiva nesta terça-feira para resolver o
impasse.

Na
primeira partida, no último domingo, Cruzeiro e Atlético-MG empataram em 1 a 1,
na Arena Independência.

MAIS LIDOS

Após vexame, Renato Gaúcho volta a falar do Flamengo e revolta torcedores

O Grêmio jogou na noite deste domingo diante do Palmeiras, em jogo válido pela final da Copa do Brasil. O time gaúcho não conseguiu...

Rei do Vexame: Renato Gaúcho vira alvo da torcida do Fla após vexame

O Palmeiras jogou na noite deste domingo diante do Grêmio, em jogo válido pela final da Copa do Brasil. O time paulista já tinha...

Abel Braga ainda reclama da arbitragem no jogo contra o Fla

Após vários trabalhos ruins seguidos, o técnico Abel Braga chegou sem muita expectativa no Internacional. Entretanto, ele conseguiu fazer um bom trabalho a seu...

Torcida se encanta com Ramon e mandam recado para Renê

O Flamengo jogou na noite deste sábado, diante do Macaé, em jogo válido pela 2ª rodada do Campeonato Carioca. O Rubro-negro conseguiu vencer com...