sábado, setembro 26, 2020
Início Notícias D'Agostino lamenta racha e anuncia apoio a Wallim.

D’Agostino lamenta racha e anuncia apoio a Wallim.

Globo
Esporte – O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, perdeu mais um
antigo aliado para a chapa de Wallim Vasconcellos na corrida presidencial que
acontecerá no fim deste ano. Vice-geral do clube, o desembargador Walter
D’Agostino conversou com o mandatário na noite de segunda-feira e comunicou sua
decisão. Além dele, Adalberto Ribeiro, secretário do gabinete presidencial,
também apoiará a chapa “Vencer, vencer, vencer”. Walter marcou
presença no lançamento da candidatura de Wallim na semana passada, mas ainda
não havia declarado de que lado estava.


Acho que sofri mais eu em dar a notícia do que ele (Bandeira) em recebê-la. Não
tenho problema sério com ele, a única divergência é de dinâmica de trabalho, a
maneira de receber e fazer as coisas – declarou Walter ao GloboEsporte.com,
mostrando carinho por Bandeira.
D’Agostino
segue o caminho do próprio Wallim, que era vice de patrimônio do clube, de
Rodolfo Landim, ex-vice de planejamento, e Gustavo Oliveira, ex-vice de
comunicação. A diferença é que, como vice geral eleito na Gávea, ele não pode
ser exonerado do cargo, como foram os demais. O cargo que ele entregou foi a
vice-presidência de patrimônio histórico, que assumiu por nomeação, mas
Bandeira não aceitou e pediu que continuasse na pasta, cuja criação foi ideia
do próprio. Portanto, Walter seguirá nas duas funções.
Além
de discordar da dinâmica de trabalho de Bandeira, D’Agostino acha que o
presidente tornou sua gestão personalista e deixou um pouco de lado a essência
de colegiado tão falada pela Chapa Azul, concordando com os argumentos da chapa
de Wallim. O vice geral também se diz a favor da alternância no poder.

Não vamos fazer um trabalho diferente, mas talvez com outra ótica, outra
dinâmica mais condizente com os dias atuais, dias difíceis que o país está
vivendo. Apoiar o Wallim é apoiar o grupo que ele representa. Não que eu não
seja a favor do grupo que está com o Eduardo. Pelo contrário, é um grupo de
muito valor. Apenas acho que o Flamengo hoje precisa dessas pessoas que fazem
parte do grupo que o Wallim encabeça como candidato. A maneira de querer gerir
o Flamengo é a mesma dos dois lados. Lamento que os dois não tenham se
entendido, mas são coisas que a vida nos oferece. Tive que me decidir entre
ficar com um lado ou outro, e escolhi aquele que considero melhor para o clube
neste momento. Quero ver o prosseguimento e a intensificação do sucesso que
tivemos, e acho que tem mais chance disso com o Wallim do que com o Eduardo.
D’Agostino
tentou minimizar o racha ocorrido na Chapa Azul, gerado após divergências entre
Bandeira e Luiz Eduardo Baptista, o Bap, que entregou a vice-presidência de
marketing em fevereiro e agora faz parte da chapa de Wallim.
– O
Flamengo vive uma situação invejável, porque essa chapa do Wallim não é bem de
oposição, é uma divisão dentro de um ideal, a Chapa Azul, que dá essa dimensão
de responsabilidade fiscal e cidadã.
O
vice geral de Bandeira disse que não pediu nenhuma vice-presidência à chapa de
Wallim, mas se colocou à disposição caso precisem dele em alguma pasta. Acima
de tudo, ele quer ser um “soldado para servir ao Flamengo”. Quanto ao
dia a dia com Bandeira, D’Agostino admitiu que pode haver certo
constrangimento, por isso só irá às reuniões se for convocado.

Posso continuar indo. Se eu entender que devo ir, vou. Mas é um pouco
constrangedor que eu, fazendo parte do apoio a um candidato de oposição a ele,
fique lá transitando. Se tiver alguma coisa da minha área de patrimônio
histórico que ainda possa fazer, vou à reunião. Nunca faltei a uma reunião.
Agora farei isso com mais parcimônia, vou esperar ser chamado. Eles podem
contar comigo em qualquer circunstância, pois temos o mesmo ideal para o
Flamengo – encerrou.

MAIS LIDOS

UFC 253 ao vivo: Adesanya x Borrachinha

O fim de semana terá muitos eventos esportivos ao vivo. Um dos mais esperados é o UFC 253 ao vivo, onde envolve o brasileiro Paulo...

Palmeiras x Flamengo é suspenso

O jogo entre Palmeiras x Flamengo, que iria acontecer neste domingo, está suspenso. O Sindiclubes, sindicato que representa os atletas do Rio, entrou na...

Surto na dupla Fla-Flu escancara realidade da CBF

Após o Flamengo apresentar um surto de covid-19, é a vez do Fluminense passar pela mesma situação. Na noite de ontem, nove jogadores testaram...

Escalação do Flamengo contra o Palmeiras

Mesmo com todas as tentativas do Flamengo, o Rubro-negro irá entrar em campo na tarde deste domingo, no jogo contra o Palmeiras. O confronto é histórico porque o...