domingo, setembro 27, 2020
Início Notícias Desde 2007 Carioca é decidido por bizarrices.

Desde 2007 Carioca é decidido por bizarrices.

Gilmar
Ferreira – Pelo que se viu nos jogos deste final de semana que apontaram os
finalistas do Estadual, os dirigentes da Federação de Futebol do Rio de Janeiro
devem estar felizes com Botafogo e Vasco decidindo o título de 2015.

Tão
felizes, aliás, como nos anos passados, quando interpretações esdrúxulas e
manobras pouco éticas interferiram nos rumos.
Desde
o Estadual de 2007, o primeiro da gestão de Rubens Lopes, a competição é
decidida em bizarrices da arbitragem.
Invariavelmente,
deixando felizes os comandantes da entidade. Só não vê, quem não quer…
FLAMENGO 0 x 1 VASCO.
O
jogo, em si, repetiu a pobreza dos últimos clássicos do futebol carioca: muita
vontade e pouca plasticidade, fruto da ausência de talento.
E o
Vasco venceu porque foi a campo mais inteiro e determinado.
Forçou
as jogadas em velocidade, obrigando a entrega sobrenatural do Flamengo que
sentiu a ausência de Canteros e Paulinho _ sobretudo do primeiro.
O meio
com Jonas, Márcio Araújo, Luís Antônio e Everton não funcionou.
Alecsandro
e Cirino claudicaram e o esquema de Vanderlei desmoronou com a entrada de
Arthur Maia no lugar de Luís Antônio: o time não ganhou em criação e perdeu a
pegada.
Doriva
trocou a lentidão de Marcinho pela inquietude de Dagoberto e o Vasco passou a
ser mais eficiente na transição do meio para o ataque.
Vanderlei
tentou renovar as forças trocando Everton e Cirino por Gabriel e Eduardo Silva,
mas não funcionou.
O jogo
foi decidido pelo gol de Gilberto no tal lance que o árbitro interpretou como
pênalti de Wallace em Serginho.
BOTAFOGO (9) 2 x 1 (8) FLUMINENSE.
Entranhei
a decisão de René Simões de escalar, durante a semana, a máxima força
disponível do Botafogo na partida de volta contra o Botafogo-PB, no Caio
Martins, pela Copa do Brasil.
O jogo
foi mais corrido e disputado do que se supunha e a conta foi paga no jogo de
sábado: depois de 25 minutos avassaladores diante do Fluminense, com dois gols
em 16 minutos, o time alvinegro foi perdendo as forças e quase entregou o jogo
que valia vaga na final do Estadual.
Jogadores
importantes terminaram a partida com lesões musculares e a vitória na disputa
por cobranças de pênaltis castigou a postura do desalmado time tricolor.
Futebol
é esporte de alto rendimento e é preciso estar no limite.
E o
Fluminense parece não se empenhar como deveria.
Perdeu.
O
Botafogo chega merecidamente à decisão do título estadual credenciado pela
conquista da Taça Guanabara.

MAIS LIDOS

César não viaja para São Paulo e desfalca Flamengo

O Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro suspendeu a partida do Flamengo diante do Palmeiras deste domingo. Por não ser uma decisão...

Palmeiras ameaça paralizar o Brasileirão e torcida do Fla não deixa barato

O Flamengo está com vários atletas contaminados, além de dirigentes e membros da comissão técnica. Com o jogo marcado contra o Palmeiras neste domingo,...

UFC 253 ao vivo: Adesanya x Borrachinha

O fim de semana terá muitos eventos esportivos ao vivo. Um dos mais esperados é o UFC 253 ao vivo, onde envolve o brasileiro Paulo...

Palmeiras x Flamengo é suspenso

O jogo entre Palmeiras x Flamengo, que iria acontecer neste domingo, está suspenso. O Sindiclubes, sindicato que representa os atletas do Rio, entrou na...