terça-feira, setembro 29, 2020
Início Notícias Dois pesos, duas medidas.

Dois pesos, duas medidas.

Bastidores
F.C. – Um dos lances mais discutidos após a semifinal do Carioca no domingo foi
a comemoração de Gilberto na escada junto à torcida, depois de marcar o gol de
pênalti que decidiu a partida a favor do Vasco. O lance representa um conflito
de orientações entre a arbitragem estadual e nacional. Ao contrário da
impressão geral, Rodrigo Nunes de Sá não errou – apenas seguiu as orientações
que recebeu da Comissão de Arbitragem (Coaf-RJ) na pré-temporada dos árbitros
realizada em janeiro em Saquarema. A Coaf, presidida por Jorge Rabello,
orientou os juízes – durante a pré-temporada, a não aplicar os cartões para
jogadores que subissem nas escadas des segurança colocadas ao redor do gramado.
A Comissão teria se espelhado no que aconteceu na Copa do Mundo – quando
jogadores comemoravam nas escadas e não eram punidos. A orientação vale somente
para arena, ou seja, só para o Maracanã.

A
orientação, contudo, não se aplica a alambrados comuns e também não vale para
os campeonatos nacionais, nos quais quem dita as regras é a Comissão Nacional
de Arbitragem (Conaf) presidida por Sérgio Corrêa. Para a CONAF – subir nas
escadas deve ser interpretado como conduta anti-desportiva e punido com cartão
amarelo. Após a partida, o técnico do Flamengo, Wanderley Luxemburgo, reclamou
muito do lance e se lembrou do amarelo recebido por Alecsandro no jogo contra o
Vasco na Taça Guanabara. Mas, naquele caso, a punição teria sido porque o
atacante pegou um guarda-chuva – e não por subir a escada. O guarda-chuva foi
interpretado como um adereço externo à partida – lembrando o cartão que Neymar
recebeu certa vez por usar uma máscara com seu próprio rosto.
Luxa
podia ter lembrado, porém, de outro caso: o da comemoração de Pará contra o
Bangu. O lateral rubro-negro,  que depois
da partida de domingo cumprimentou Rodrigo Nunes de Sá com um forte aperto de
mão, recebeu um cartão amarelo justamente por subir na escadinha na partida em
que o Flamengo venceu o Bangu por 2 a 1. Ele foi advertido por Rodrigo
Carvalhães de Miranda. Pela orientação passada aos árbitros da Coaf-RJ, este
cartão amarelo teria sido aplicado de forma equivocada. As súmulas das partidas
não descrevem a razão dos cartões amarelos aplicados, somente eventuais
expulsões.

MAIS LIDOS

Bruno Henrique entra na mira do Fenerbahçe 

O Flamengo viu aumentar consideravelmente o assédio pelos seus atletas após a temporada quase perfeita no ano passado. Um dos nomes que foi mais...

Paquetá é vendido pelo Milan e Fla receberá milhões

O Flamengo fez muitas negociações ao longo dos últimos anos com o futebol europeu. Uma das maiores negociações foi o meia atacante Paquetá, jogador que foi...

Libertadores: Gabigol deve jogar contra o Del Valle

O Flamengo tem amanhã, quarta-feira, um dos jogos mais importantes da temporada. O Rubro-negro mede forças com o Independiente del Valle, em jogo válido pela quinta rodada...

Flamengo consegue novo patrocinador; ganho será milionáro

O Flamengo continua sendo o clube mais procurado no futebol brasileiro em questão de patrocínios. O Rubro-negro já recebe uma bolada do banco BRB, enquanto...