Dupla do Flamengo marcou metade dos gols da Seleção Sub-17.

Vinicius Júnior e Lincoln comemorando gol do Flamengo – Foto: Gilvan de Souza

SITE
OFICIAL DO FLAMENGO: 
O
quarteto rubro-negro que representa o Flamengo na Seleção Brasileira sub-17 –
Wesley (lateral), Patrick (zagueiro), Lincoln (atacante) e Vinicius Junior
(atacante) – foi bicampeão do Sul-Americano da categoria no domingo (19). Mas
não foi só o troféu da competição que os garotos conquistaram. Vinicius Junior
e Lincoln, além da admiração da Nação Rubro-Negra, também dominaram o ataque
canarinho e foram os responsáveis por metade dos gols do Brasil na competição.

Artilheiro
e eleito Melhor Jogador do torneio, Vinicius Junior foi às redes em sete
oportunidades. Já seu companheiro Lincoln marcou cinco vezes, aparecendo na
vice-artilharia do Sul-Americano, seguido de perto pelo paraguaio Martín
Sánchez, com quatro tentos.
Hegemonia brasileira
Com a
conquista do Sul-Americano Sub-17 do Chile no domingo (19), a Seleção
Brasileira levantou pela décima segunda vez o troféu da competição. Até aqui
foram 17 edições Sul-Americano nesta categoria, com troféu para a Canarinho em
1991, 1995, 1997, 1999, 2001, 2005, 2007, 2009, 2011 e 2015. Com três conquistas,
a Argentina é a segunda maior campeã do continente nesta categoria.
A campanha da Seleção Brasileira sub-17
O
Brasil levantou o caneco depois de vencer sete dos nove jogos do campeonato e
empatar os outros dois – ambos contra o Paraguai, que foi a pedra no sapato da
Seleção. O saldo de gols foi impressionante: 24 marcados – 12 por rubro-negros
– e apenas três sofridos. Relembre jogo a jogo:
Brasil 3 x 0 Peru
O
Brasil teve uma grande estreia contra os peruanos e contou com dois gols
rubro-negros na vitória por 3 a 0. A Seleção garantiu o triunfo já nos
primeiros 45 minutos com Lincoln, Vinícius Jr. e Marcos Antônio.
Brasil 1 x 0 Venezuela
Na
segunda rodada, o Brasil teve mais dificuldades contra os venezuelanos, que
também haviam estreado com vitória, mas saiu de campo com a vitória, desta vez
sem gol rubro-negro, fato raro na competição.
Brasil 1 x 1 Paraguai
Contra
o Paraguai, oa garotos da Canarinho não conseguiram vencer, mas o empate foi
suficiente para a classificação antecipada ao hexagonal final. O gol brasileiro
foi marcado por Vinícius Junior, que teve categoria para acertar um belíssimo
chute por cobertura.
Brasil 2 x 0 Argentina
Com a
classificação para o hexagonal final assegurada, o técnico Carlos Amadeu deu
chance aos garotos que ainda não haviam atuado ou só tinham entrado no decorrer
das partidas. Ainda assim, a equipe venceu os argentinos, com gols de Yuri
Alberto e Brenner. Enquanto isso, os rubro-negros, titulares absolutos, puderam
descansar para os próximos desafios.
Brasil 2 x 2 Paraguai
O
Paraguai foi o único adversário que o Brasil não conseguiu vencer na
competição. Mesmo com dois gols do rubro-negro Lincoln ainda no primeiro tempo,
os paraguaios alcançaram o empate nos minutos finais da partida.
Brasil 4 x 0 Venezuela
É
claro que na goleada brasileira teve espaço para um gol de Vinicius Junior, que
ajudou a construir o placar elástico com Uno (contra), Lucas Halter e Yuri
Alberto. A Seleção deu um baile nos venezuelanos, que não viram a cor da bola.
Brasil 3 x 0 Equador
Na
vitória sobre os equatorianos, só deu Flamengo em campo. Em uma partida de
forte jogo coletivo do Brasil, Vinicius Junior, duas vezes, e Lincoln marcaram
os gols do triunfo, em uma partida impecável da Seleção Brasileira.
Brasil 3 x 0 Colômbia
O
Brasil entrou em campo contra os colombianos com a vaga no Mundial da Índia
assegurada por conta dos resultados das outras seleções. Com o primeiro objetivo
alcançado, a Seleção buscou e conquistou mais uma vitória fundamental para a
conquista do título. O artilheiro rubro-negro Vinícius Junior marcou os dois
primeiros gols do jogo e Alerrandro fechou a conta.
Brasil 5 x 0 Chile
O
Brasil fechou a competição com chave de ouro: invicto, com goleada e caneco.
Lincoln deixou o seu na goleada por 5 a 0, acompanhado de Paulinho e Alanzinho
(3), no Estádio El Teniente de Rancagua. A Seleção apresentou um futebol
envolvente e não teve piedade dos donos da casa.

Por: FlaHoje

MAIS LIDOS

Black Friday: Flamenguistas brincam e colocam jogadores à venda

O Flamengo tem hoje um dos principais elencos do futebol sul-americano. Mesmo já contando com um elenco qualificado após as grandes conquistas do ano...

Destaque na Europa, Samir se declara ao Fla e fala em ‘saudade’

O Flamengo teve grandes jogadores ao longo dos últimos anos fazendo parte do seu sistema defensivo. Um dos atletas que acabou se transferindo para...

Flamengo ganhará uma bolada eliminando o Racing; veja os valores

O Flamengo está vivendo um momento financeiro conturbado. O Rubro-negro fez um planejamento ousado para 2020, entretanto, a pandemia colocou os planos do clube...

Balbuena é especulado no Fla; veja os seus melhores momentos na Europa

O Flamengo está melhorando o seu desempenho desde da saída do técnico Dome Torrent. Entretanto, um dos pontos que ainda precisa melhorar é o...