segunda-feira, setembro 28, 2020
Início Notícias ''É um pouco por desatenção de todo o time'', diz Rodrigo Caio...

”É um pouco por desatenção de todo o time”, diz Rodrigo Caio sobre gols sofridos

O Flamengo enfrenta o Vasco da Gama, no próximo domingo (21), pelo segundo jogo da final do Campeonato Carioca. Como o primeiro confronto foi 2 a 0 para o Rubro-Negro, basta o time comandado por Abel Braga não sofrer gol, que sairá do Maracanã campeão da competição. Porém, devido aos muitos gols sofridos neste ano, a atenção durante o confronto é fundamental.

Rodrigo Caio concedeu entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira (17), e falou sobre o assunto. O defensor admitiu que às vezes o time fica desatento durante as partidas e que isso acaba resultando no gol do adversário. Apesar de assumir a responsabilidade como zagueiro, o jogador apontou que isso tem acontecido com todos os atletas durante os embates.

FOTO: CARLA ARAÚJO / COLUNA DO FLA

— Em questão dos gols que o time vem tomando é um pouco por desatenção de todo o time. Eu como defensor assumo minha responsabilidade em campo. As vezes desatenção de toda a equipe -, disse o defensor, que prosseguiu:

— Um momento que a gente acaba desacreditando e acontece de tomar os gols. O mais importante é a vitoria. E a gente vem fazendo isso. Estamos no caminho certo, trabalhando forte e se dedicando. Certeza que vamos conseguir nossos objetivos -, falou Rodrigo Caio.

Rodrigo Caio foi muito criticado pela torcida do São Paulo, seu ex-clube. No Flamengo, o jogador recuperou sua melhor forma, que chegou a levá-lo à seleção brasileira. O defensor contou que futebol é muito mental, que as coisas externas refletem dentro de campo. Por isso, o zagueiro pede concentração total no embate diante do Vasco da Gama.

— Futebol é muito mental. Acredito muito nisso. 90% é sua cabeça. Quando em campo você está com a cabeça concentrada, as coisas acontecem de forma totalmente diferente. Temos que estar concentrados -, contou o defensor, que concluiu:

—Vasco joga hoje, um jogo difícil. Mas nada vale se domingo não fizermos nosso trabalho. Independentemente de descanso ou não, temos que entrar focados. São 90 minutos, 11 contra 11. Temos que entrar para fazer uma grande partida. Temos plenas condições de fazer um grande jogo.

Por: Coluna do Fla

MAIS LIDOS

Dome se diz “extremamente orgulhoso” da atuação do Fla após empate

Ausente no empate em 1 a 1 diante do Palmeiras, na tarde deste domingo (27), Domènec Torrent, afastado por estar infectado pelo novo coronavírus,...

Torcida do Palmeiras pede a cabeça de Luxa após empate; veja os comentários

O Flamengo entrou em campo na tarde deste domingo, diante do Palmeiras, no Allianz Parque. O Rubro-negro viu o time paulista abrir o placar, entretanto,...

Jordi Guerrero rasga elogios a Base do Fla: “Estavam preparados para jogar”

Jordi Guerrero, substituto de Domènec Torrent na tarde deste domingo diante do Palmeiras, onde a equipe saiu de campo com um empate em 1...

Lincoln cutuca o Palmeiras após grande atuação

O Flamengo entrou em campo na tarde deste domingo, em jogo contra o Palmeiras. O confronto pelo Campeonato Brasileiro por pouco não saiu do...