sábado, setembro 19, 2020
Início Notícias Especialista comenta lesão de Armero, do Flamengo.

Especialista comenta lesão de Armero, do Flamengo.

Rádio
Tupi – Contratado para ser a solução da lateral-esquerda do Flamengo, Pablo
Armero vem sofrendo com problemas físicos e disputou apenas cinco partidas pelo
clube. O atleta está fora há um mês. Informações dão conta que o jogador sofreu
uma ruptura do músculo adutor da coxa esquerda, grau três. O médico do
Flamengo, Dr. Márcio Tannure, não quis falar sobre o assunto.

Sendo
assim, a Super Rádio Tupi convidou o médico Clóvis Munhoz, que conta com 37
anos de experiência na medicina esportiva, para explicar detalhadamente o que é
a lesão do jogador colombiano.
“Uma
ruptura de adutor tem três graus. Grau 1, 2 e 3. Obviamente, o grau três é a
lesão mais grave. É a ruptura de uma grande parte das fibras do músculo. Agora,
existem algumas particularidades em relação à ruptura do adutor, que só a gente
vendo o exame. Porque, quanto mais próximo da inserção do adutor, quer dizer,
todo músculo acaba em um tendão. Se a ruptura for próxima da inserção, quer
dizer, for próxima da região tendinosa, é mais grave do que ser for uma lesão
no corpo do músculo, na região carnosa do músculo. Então, de qualquer maneira,
são lesões muito graves. Grau 3, tanto faz pelo corpo do músculo, contra
inserção, são lesões graves. Mas quanto mais próxima da inserção do músculo, na
região tendinosa, mais grave é a lesão. E é uma lesão que necessita de um
tratamento fisioterápico absolutamente intensivo, em grande intensidade, e que,
em princípio, o atleta fica impedido de competir por cerca de 60 a 90 dias”.
Clóvis
também explicou o motivo do atleta que sofre esse tipo de lesão ficar um longo
período sem atuar. Lembrando que além da recuperação da lesão, o jogador
precisa de um longo tempo para recondicionamento da musculatura.
“Não
é só o tratamento. Quando você para as suas atividades profissionais de
treinamento e competição, no caso do atleta, para o tratamento fisioterápico e
algumas outras medidas que podem ser utilizadas, como PRP, terapia de onda de
choque, enfim, é uma série de recursos que tem hoje em dia. O atleta perde
tônus muscular, perde força da musculatura, e depois que ele tem a lesão
cicatrizada, ele precisa de um tempo relativamente grande, para todo
recondicionamento da musculatura. Tanto na sua parte de alongamento, na sua
parte de força muscular, de tônus muscular, para que ele possa voltar às
atividades de treinamento e competição em plenas condições”.
Pablo
Armero não deverá voltar aos gramados nesta temporada. O contrato de empréstimo
junto a Udinese, da Itália, termina em 31 de dezembro, e devido aos problemas
apresentados pelo jogador, o Rubro-Negro não pretende tentar uma renovação.

MAIS LIDOS

Entrevista de Marcos Braz não responde muita coisa

Marcos Braz deu sua entrevista coletiva neste sábado para falar sobre a derrota do Flamengo na quinta-feira e quais seriam as consequências dela. Mas...

Em coletiva, Braz banca permanência de Domenec

A tão aguardada coletiva de imprensa online de Marcos Braz na tarde deste sábado ocorreu a pouco, o tema principal, Domenec. Braz aproveitou a...

Tite explica convocados rubro negros e ausência de Gabigol

Tite convocou para a seleção brasileira dois jogadores do Flamengo, Rodrigo Caio e Everton Ribeiro. Em entrevista online concedida na manhã de sexta, Tite...

Zico detona postura do Flamengo em campo

A derrota vexatória do Flamengo pela Libertadores ainda ecoa entre a torcida. O maior ídolo da história do Flamengo, Zico, não deixou de comentar...