Publicidade

Estaduais têm soco em juiz e lambança em clássico.

Publicidade
UOL – O final de semana dos campeonatos
estaduais foi marcante por lances bonitos, mas também por episódios não tão
belos dentro de campo. Os golaços ficam por conta do Campeonato Paulista:
Ricardo Oliveira, do Santos, e Vitor Hugo, do Palmeiras marcaram dois lindos
gols.
Por outro lado, no Campeonato Carioca, uma
lambança do goleiro vascaíno Martín Silva deu origem ao primeiro gol do
Flamengo. Já no Campeonato Baiano, sobrou para o árbitro, que acabou
nocauteado. Confira tudo que rolou.
1 –
Flamengo teve ‘ajuda’ da chuva para vencer o Vasco



O Flamengo teve uma grande ajuda para sair na
frente no placar no clássico contra o Vasco, no Maracanã: a chuva. Uma forte
tempestade caiu na cidade do Rio de Janeiro neste domingo, bem na hora do jogo.
A partida até que começou e tanta água no gramado fez bem para o Flamengo.
O goleiro Martín Silva foi colocar a bola em
campo com a mão, mas a bola acabou parando no gramado encharcado. Bom para
Alecsandro, que aproveitou a ‘assistência’ para marcar.
Depois do lance a partida ainda foi
interrompida por conta da forte chuva e as equipes voltaram ao jogo após quase
uma hora de paralisação.
2- Depois
da tempestade, nervos à flor da pele



Quando o clássico carioca estava quase no
final, uma briga envolvendo muitos jogadores de Flamengo e Vasco acabou com
quatro atletas expulsos: Paulinho e Anderson Pico do Flamengo e Bernardo e
Guiñazu, do Vasco.
Tudo começou quando Bernardo não gostou de uma
falta cometida por Paulinho e foi tirar satisfação com o jogador. Mas quem
reagiu foi Anderson Pico, que deu um empurrão no vascaíno gerando uma grande
briga.
3 –
Ricardo Oliveira faz golaço e Robinho dá caneta



A vitória do Santos em cima do Audax não foi
das mais elásticas. O placar de 1 a 0 foi muito magro pela quantidade de vezes
que a equipe santista chegou ao ataque, principalmente no primeiro tempo. Mas a
partida ‘valeu o ingresso’ pelo belo gol de Ricardo Oliveira, que deu um chapéu
no goleiro Felipe Alves antes de fazer o único gol do jogo.
Em outro lance, Robinho deu uma bela caneta em
Marquinhos. E não pense que o atacante ficou ‘preocupado com os sentimentos’ da
vítima da vez. Após o lance, o santista levantou os braços como quem pede
desculpas e olhou para o banco do Santos com cara de quem aprontou.
4- Foi
matar o lance e acabou expulso



O goleiro Douglas Friedich, do Capivariano,
tentou evitar o que seria o gol de Renato Augusto pelo Corinthians, mas acabou
prejudicando o seu time. O camisa 1 foi driblado pelo corintiano, mas não
deixou que o lance fosse concretizado. Ele não pensou duas vezes ao cortar a
bola com a mão fora da área. O árbitro não perdoou e expulsou o goleirão.
5 –
Ex-santista estreia com vitória de 7 a 0



A estreia de Enderson Moreira pelo Atlético-PR
neste domingo (22) não poderia ser melhor. O ex-treinador do Santos, que saiu
da equipe paulista demitido, não só venceu o seu primeiro jogo no Paraná, como
também goleou. E que goleada. O Atlético-PR venceu o Nacional-PR por 7 a 0.
6-
Zagueiro faz de bicicleta



O zagueiro Vitor Hugo do Palmeiras decidiu a
partida contra o São Bernardo neste domingo (22). E em grande estilo.
Quando o jogo parecia caminhar para um zero a
zero, o zagueiro apareceu na área e deu uma linda bicicleta para marcar o único
gol do duelo. É melhor assistir ao lance acima do que descrever exatamente como
foi.
7-
Oswaldo se irrita com pedidos por Gabriel
O Palmeiras venceu o São Bernardo, mas nem
mesmo a vitória acalmou Oswaldo de Oliveira. O treinador palmeirense se irritou
muito com os torcedores que pediram muito a entrada do jovem Gabriel Jesus no
jogo. “Aquela voz vindo de trás me lembrou o filme dos Beatles,  “Reia do ié ié ie”, com aquelas
meninas gritando “ahhhh”!.Pense “esse cara vai ter um
ataque”. Fiquei com curiosidade. Olhei para cima vi um careca sem camisa,
fortão, aí não deu. Falei, irmão: toma vergonha na cara, vai arrumar o que
fazer”, disse o comandante.
8- Juiz
acabou nocauteado em campo
O juiz Arilson Bispo deve ter se arrependido
por não marcar um pênalti no duelo entre Jacuipense e Juazeirense, pelas
quartas de final do Campeonato Baiano. Ele foi atingido por um soco no rosto,
dado por Meidson logo depois de não apontar a penalidade e caiu no gramado. Ao
se levantar, o árbitro não teve dúvidas em expulsar o jogador do Jacuipense.
9-
Gordinho não joga e goleiro perde 4kg
O goleiro do Grêmio Tiago precisou emagrecer
alguns quilinhos antes de conquistar a confiança total de Felipão e o treinador
contou a história em entrevista coletiva. O comandante do Grêmio explicou que
Tiago tem muitas qualidades técnicas, mas que para jogar teve de perder peso.
Foi o que o jogador fez. O goleirão ‘mandou embora’ 4kg em 20 dias.
10- Caso
de racismo no Campeonato Carioca

Magno, do Bangu, polemizou depois da partida
contra o Macaé pelo Campeonato Carioca. O volante disse que foi vítima de
racismo. De acordo com o jogador, Filipe Machado o chamou de preto logo depois
de cometer uma falta, que não foi dada pelo juiz. Apesar da acusação, Magno
disse que o adversário pediu desculpas depois do jogo.

Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod