terça-feira, setembro 29, 2020
Início Notícias Eu escolheria não acreditar.

Eu escolheria não acreditar.

Blog
Urubuzada – Domingo, dia de clássico.
Você
sai de manto na rua, muitos outros fazem o mesmo. Alguns vão ao Maracanã torcer
para o Maior do Mundo.
O
clima é de tensão e euforia e você só quer ver a vitória do Flamengo.
“Tô
indo pro Maraca, só volto com a vitória!”
E
você crente que você ia voltar pra casa feliz. Tudo conspirava para isso. No
primeiro lance, Pará cria um momento antalógico antológico no Maracanã… Só
que de uma maneira bizarra.
Porém,
ainda era o primeiro minuto de jogo. Ainda havia mais por vir. E ele veio. O
gol, a euforia, a festa na favela. Lançamento de Jorge após a cobrança de Alan
Patrick na barreira, Guerrero desvia de cabeça e Emerson chuta para o gol. Tudo
prometia ser muito melhor.
(e
aquela tirada de pé veio)
(e
começamos a pedir mais)
(e o
medo começava a vir)
(e
vinha a pressão)
O
segundo tempo necessitava ser melhor, mas foi um desastre. Poucas chances de
gol, tomando pressão do adversário que veio mais ligado. Falta um pouco longe
da área, um tijolo que bate na mão do goleiro e entra. E logo depois escanteio
e um pênalti que eu não sei aonde o juiz e os comentaristas acharam que foi de
Jorge. E a virada.
Mudanças
não surtiram efeito, 7 minutos de acréscimo não foram suficientes, a virada foi
consumada.
E eu
escolheria não acreditar que a virada aconteceu.
Escolheria
não acreditar que perdemos METADE dos jogos contra o Vasco.
Também
não escolheria acreditar que o caô está eminentemente querendo voltar.
E
também não escolheria acreditar que deixamos a vitória no colo do rival e nem
acreditar que algumas decisões da arbitragem tenham sido controversas, com dois
pesos e duas medidas.
Eu
ESCOLHERIA. Mas às vezes o que você prefere não é o que acontece e você fica
ardendo em raiva como agora. O que resta a nós é pegar o que aconteceu neste
ano e pegar de lição para NÃO FAZER DE NOVO. E as mudanças? Deixo cada um com a
sua opinião. Adapto a frase do rival para mostrar a raiva que consome este
cidadão e que estará nele por pelo menos uma semana.
E
você que foi ao jogo, ficou preso no Maracanã? Ou não fez a promessa de voltar
com a vitória?
“NÓS
QUEREMOS RESPEITO E COMPROMETIMENTO, ISSO AQUI NÃO É VASCO, ISSO AQUI É
FLAMENGO!” ♫
P.S.:
Já que não pode descer a rampa sorrindo e tirando selfie após uma derrota, é
RIDÍCULO uma pessoa ver seu time perdendo, mas ao ter as câmeras focadas para
ela, dar um sorriso e um aceno. E você reclama dos off-Rio.
Lucas
Neri

MAIS LIDOS

Grupo City fica perto de contratar Lincoln

O Fla hoje possui uma das bases mais promissoras do futebol sul-americano. Ao longo dos últimos anos, vários atletas de muita qualidade técnica foram negociados...

Agente se revolta e não descarta a saída de Lincoln

O Flamengo mediu forças diante do Palmeiras, na tarde deste domingo, em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro. O time Rubro-negro foi a campo com...

Segundo Fábio Sormani, Flamengo usou de “laranja” para se beneficiar

Na tarde desta segunda-feira, o grande e responsável jornalista Fábio Sormani soltou mais uma daqueles declarações complicadas de se ingerir numa rede de televisão....

Presidente do Sport admite interesse em contratar atacante do Flamengo

O Flamengo possui uma das bases mais qualificados do futebol sul-americano. O Rubro-negro se acostumou a fazer grandes negócios com o mercado da Europa,...