• Início
  • Notícias
  • Ex-dirigente do Flamengo diz que Arão é “jogador de Europa” e relembra rejeição da torcida pelo volante
Publicidade

Ex-dirigente do Flamengo diz que Arão é “jogador de Europa” e relembra rejeição da torcida pelo volante

Publicidade

Da contestação ao prestígio com a torcida. Resumidamente, pode-se destacar dessa forma a temporada de Willian Arão pelo Flamengo. Com a chegada de Jorge Jesus, o volante vem fazendo partidas consistentes e sempre muito elogiadas pelo “Mister”. No programa “Debate Final“, do canal FOX Sports, foi a vez de Mozer, ex-jogador e ex-gerente de futebol do Fla, rasgar elogios ao camisa 5.

– O Flamengo ganhou dois jogadores que recuperam a bola, organizam e atacam, que é o Gerson e o Arão. Quando eu trabalhava no Flamengo, defendia muito o Arão. Sempre disse que eu achava ele um jogador moderno, um jogador de Europa, porque eu identificava o trabalho que ele fazia -, disse Mozer, relembrando ainda a rejeição da torcida pelo volante quando trabalhava como dirigente do clube e a importância de Jorge Jesus:

FOTO: ALEXANDRE VIDAL & MARCELO CORTES / FLAMENGO

– O Arão não tinha muito o ‘perdão’ da torcida do Flamengo. Mas eu sempre insisti que ele trabalhasse da mesma forma. Por sorte veio o (Jorge) Jesus, que é um técnico exigente, tem trabalhos excepcionais a nível de informações que dá aos jogadores… Ele trabalha a equipe toda da mesma maneira -, ressaltou.

Com Willian Arão possivelmente entre os titulares, o Flamengo encara o Santos, neste sábado (14), em jogo que marca o encarramento do primeiro turno do Brasileirão. As duas equipes se enfrentam no Maracanã, às 17h (horário de Brasília), e o Rubro-Negro contará com o retorno de Rodrigo Caio (depois de cumprir suspensão) e do trio Arrascaeta, Bruno Henrique e Berrío (convocados na última semana para amistosos com as suas seleções).

Por: Coluna do Fla

Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod