domingo, setembro 27, 2020
Início Notícias FIFA explica ausências de Flamengo e Corinthians.

FIFA explica ausências de Flamengo e Corinthians.

FOLHA
DE SÃO PAULO – O escândalo envolvendo dirigentes e ex-cartolas do futebol
internacional, presos em maio na Suíça, não prejudica a série de games que leva
o nome da Fifa, nem sua nova versão, o “Fifa 16”. É o que diz o
produtor da Eletronic Arts, Sam Rivera, em conversa com a Folha na Brasil Game
Show. A feira, maior do gênero na América Latina, abriu para o público nesta
sexta-feira (9).

“Não
vai afetar o game em nada, nem como ele será vendido”, diz Rivera.
“Somos
completamente separados. Estamos concentrados no nosso trabalho. Não temos nada
a ver com o que está acontecendo.”
Nesta
quinta-feira (8), o Comitê de Ética da Fifa anunciou a suspensão, por três
meses, do presidente da entidade, Joseph Blatter, e o presidente da Uefa,
Michel Platini. De acordo com regras do comitê, a suspensão pode ser prorrogada
por mais 45 dias.
Rivera
participou de uma apresentação da Warner, distribuidora do “Fifa 16”,
em que a companhia afirmou esperar um crescimento de dois dígitos do mercado
brasileiro de games, mesmo com a crise econômica.
JOGADORAS
A
principal novidade do “Fifa 16” é a inclusão das seleções femininas,
como a equipe brasileira. Para reproduzir o jogo delas, Rivera afirmou que a
equipe da Eletronic Arts, desenvolvedora do game, assistiu às partidas da Copa
do Mundo de futebol feminino, para entender como eram a movimentação e as
táticas.
A
empresa também precisou fazer a captura do movimento das atletas, já que a
forma como uma mulher corre é diferente da de um homem. No resto, a mecânica do
game entre homens e mulheres é bastante parecida.
“Vamos
dizer que o Cristiano Ronaldo recebeu nota 30 de velocidade na nossa avaliação.
A Marta ficou com 15. Construímos o jogo todo em cima desses dados. E essa a
diferença nos valores muda todo o jogo, a animação das corridas, a
dinâmica”, diz.
Quanto
à ausência de Flamengo e Corinthians, os dois times mais populares do país, que
fecharam contrato de exclusividade com o concorrente “Pro Evolution
Soccer”, Rivera diz que gostaria de contar com todas as equipes.

“É
como no futebol real. O Barcelona e o Real Madrid querem os principais
jogadores. Mas não conseguem ter todo mundo. Nós queríamos contar com todos os
atletas, da primeira, da segunda e da terceira divisão, mas nem sempre é
possível”, diz.

MAIS LIDOS

César não viaja para São Paulo e desfalca Flamengo

O Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro suspendeu a partida do Flamengo diante do Palmeiras deste domingo. Por não ser uma decisão...

Palmeiras ameaça paralizar o Brasileirão e torcida do Fla não deixa barato

O Flamengo está com vários atletas contaminados, além de dirigentes e membros da comissão técnica. Com o jogo marcado contra o Palmeiras neste domingo,...

UFC 253 ao vivo: Adesanya x Borrachinha

O fim de semana terá muitos eventos esportivos ao vivo. Um dos mais esperados é o UFC 253 ao vivo, onde envolve o brasileiro Paulo...

Palmeiras x Flamengo é suspenso

O jogo entre Palmeiras x Flamengo, que iria acontecer neste domingo, está suspenso. O Sindiclubes, sindicato que representa os atletas do Rio, entrou na...