sexta-feira, setembro 18, 2020
Início Notícias Fla destinará verba do Profut para obras do Ninho do Urubu.

Fla destinará verba do Profut para obras do Ninho do Urubu.

ESPN –
Promessa de campanha há tempos na Gávea, o Ninho do Urubu ganhará nova
tentativa de finalização de sua primeira parte, destinada aos profissionais.
Sem verba para concluir as obras, o denominado Centro de Treinamento George
Helal abriga treinos de profissionais e da base atualmente, mas está longe das
condições ideiais. A partir de outubro, o CT poderá ganhar cerca de R$ 1 milhão
mensal graças a uma “gordura” estimada com a adesão do Flamengo ao
Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol
Brasileiro (Profut).
Atualmente,
o clube gasta cerca de R$ 5 milhões mensais apenas com dívidas equacionadas com
o refinanciamento fiscal firmado em 2013. Como já tem certidões negativas de
débito, há quase três anos após o pagamento inicial de quase R$ 40 milhões, a
adesão do Flamengo ao Profut será imediata. O clube ainda estuda como irá
aderir ao programa, mas estima que gastará cerca de R$ 1 milhão a menos. E o
alvo para o investimento está traçado.
“Ainda
estamos ajustando os cálculos. Isso é um fluxo de caixa. Por decisão de
alocação prioritária queremos alocar esse fluxo de caixa excedente no CT”,
disse o vice de finanças, Cláudio Pracownik.
No
cálculo do vice de patrimônio, Alexandre Wrobel, o clube precisa de cerca de R$
12 milhões para terminar os módulos 16 e 17, destinados ao futebol
profissional. O setor teve a construção civil levantada em 2012, mas em agosto
daquele ano as obras foram interrompidas por falta de verba. Atualmente ocorrem
etapas de pavimentação e outras melhorias pontuais. Como o prazo para aderir ao
Profut é até o fim deste mês, as obras recomeçariam no CT em novembro. E
levariam de dez a 11 meses para serem concluídas.
No
módulo profissional estão previstos 26 suítes equipadas com aparelhos de tv,
cozinha industrial, refeitório, audtório, sala de jogos, sala de imprensa,
vestiário e um centro de fisioterapia. Além da verba do Profut, outra tentativa
da diretoria para arrecadar fundos para o Ninho do Urubu ocorreu no início
deste mês, quando foi aprovada a emissão de 200 novos títulos de
sócios-proprietários, ao custo de R$ 11 mil cada. O valor total, de R$ 2,2
milhões, será destinado ao CT. No primeiro dia de vendas dos novos títulos, na
última terça-feira, 81 foram comercializados.
Parte destinada à base custaria R$ 35
milhões
A
prioridade, no momento, é finalizar as obras para dar condições aos
profissionais. Em seguida, o plano é tentar a captação de verba para terminar o
projeto inteiro do Ninho do Urubu, contemplando a parte dedicada à base, com
170 alojamentos para garantir a moradia de promessas que venham de outras
partes do país.
O
custo para esta parte é alta: R$ 35 milhões. O prazo para conclusão também é
longo: dois anos. Há conversas em curso com dois grupos de investidores. Um
deles, chinês, ajudaria o clube com uma partida do projeto. Em contrapartida
teriam direito a um intercâmbio de atletas e até amistosos com o Flamengo. Esta
ideia, no entanto, é tratada como embrionária.

MAIS LIDOS

Marcos Braz é detonado na internet após goleada

O Flamengo foi goleado na noite desta quinta-feira, em jogo da Libertadores da América. O Rubro-negro teve um desempenho vergonhoso, algo que os torcedores...

Flamengo é goleado em jogo vergonhoso; torcida detonou na internet

Na noite desta quinta-feira, o Flamengo é goleado na Libertadores da América. Em um jogo horrível, o time treinado por Dome Torrent foi simplesmente...

Primeiro tempo do Flamengo foi ruim, torcedores criticam Léo Pereira

O Flamengo joga na noite desta quinta-feira contra o Del Valle, em jogo válido pela Libertadores da América. Desde da venda de Pablo Mari...

Jorge Jesus ironiza provocações de torcedores do Fla após eliminação do Benfica

Ex-treinador do Flamengo, Jorge Jesus vive pressão sob o comando do Benfica após a tramática e precoce eliminação da equipe portuguesa na Liga dos...