quarta-feira, setembro 30, 2020
Início Notícias Fla explica estratégia com o 'Kit Sócio-Torcedor'.

Fla explica estratégia com o ‘Kit Sócio-Torcedor’.

Globo
Esporte – Um programa estagnado em busca de sobrevida. Falar que o
sócio-torcedor do Flamengo é um fracasso seria exagero. Com R$ 34 milhões
anuais, o “Nação Rubro-Negra” é a terceira maior receita do clube
atualmente – atrás de patrocínio de camisa e cotas de TV -, mas a dificuldade
de crescimento é algo que preocupa. Na casa dos 50 mil desde o início do ano
(54.321 nesta sexta-feira, um terço fora do Rio de Janeiro), o clube busca
ações para seduzir a torcida e lançou nesta semana um kit vendido em bancas de
jornais para alcançar camadas mais populares.
Com
dois anos recém-completados no último dia 26 de março, o programa era
praticamente restrito a torcedores com acesso ao site oficial, até chegar a
poucas lojas licenciadas localizadas no centro do Rio de Janeiro nos últimos
meses. Com o kit, que custa R$ 39,90 e contém uma revista explicativa, uma
camisa rubro-negra (que não é de jogo) e um código promocional que dá desconto
de um mês em novas adesões, o Flamengo deseja aumentar o número de pessoas com
conhecimento do “Nação”.

Alguns aspectos fazem o torcedor se tornar sócio, e um deles é a distribuição,
que faz o programa chegar até ele. Temos um modelo de venda em lojas oficiais
que está funcionando legal, e vamos espalhar pelo Brasil. O kit nas bancas é um
canal mais popular. O Benfica fez isso com um kit um pouco diferente, com
cachecol, que trocamos pela camisa. É um trabalho para massificar, mas ainda
restrito ao Rio de Janeiro. No domingo, vamos vender no Maracanã. Depois,
expandir para outras praças – explicou o diretor de marketing do Fla, Bruno
Spindel.
Sucesso
no primeiro ano muito por conta da presença na final da Copa do Brasil, o
sócio-torcedor do Flamengo viveu o auge na Libertadores de 2014, com 64 mil
participantes. A eliminação precoce, que calhou com o fim da carência de seis
meses para aqueles que buscavam o benefício da partida contra o Atlético-PR,
entretanto, fez o número despencar. Muitos questionamentos dão conta da falta
de atrativos para o torcedor, o que Spindel promete apresentar novidades em
breve.
– Acho
que vamos andar ao longo do ano. O kit é a primeira de uma série de
iniciativas. Tem o plano de fidelidade, que vem no segundo semestre. Vamos
premiar com pontuação quem consome mais a marca Flamengo, dar recompensas. O
maior benefício do torcedor é ver o clube mais forte. O tamanho do clube
depende do torcedor, o céu é o limite.
O
discurso de “adesão por amor” é algo que sempre fez parte da
diretoria rubro-negra. Sem estádio próprio, o clube alega que esbarra nas
obrigações contratuais com o consórcio Maracanã para maiores descontos e sofreu
ainda com o regulamento do estadual, que não prevê mando de campo nas partidas,
o que impossibilitou maiores descontos nos primeiros meses do ano. Com o
Brasileirão pela frente, a expectativa é evolução.
– O
Brasileirão ajuda o programa a voltar a crescer. Não estamos prevendo carnê,
mas a competição é algo que ajuda muito. O sócio-torcedor sempre tem muito
interesse. Cerca de 95%, por exemplo, vai ao estádio com cartão-ingresso, o que
dá comodidade.
Sétimo
programa no ranking nacional, o Flamengo busca alternativas por dias melhores.
Depois do boom no ano de nascimento, quando chegou a ser terceiro no país –
atrás somente do Internacional e do Grêmio -, o “Nação Rubro-Negra
encontrou uma estabilidade na casa dos 50 mil, mas é inegável a dificuldade de
crescimento. Enquanto isso, Palmeiras e Corinthians, com as novas arenas,
dispararam – além dos paulistas e dos gaúchos, Cruzeiro e Grêmio estão na
frente do Rubro-Negro.

MAIS LIDOS

Vitinho e Marcos Braz testam negativo para Covid-19

Nesta terça-feira (29), o atacante Vitinho testou negativo para o Covid-19. O resultado já foi enviado à Conmebol e o jogador pode ficar à...

Flamengo é a aposta do SBT para bater recorde de audiência

Após a rescisão de contrato da Rede Globo com a Conmebol, o SBT é a opção para transmissão de jogos em tv aberta. Nesta...

De volta? Diego Alves treina com bola no Ninho do Urubu

Diego Alves sofreu lesão no ombro na partida contra o Santos pelo Campeonato Brasileiro - onde a equipe acabou com um empate em 1...

Zico faz duras críticas a CBF por realização de Palmeiras x Flamengo

Em seu canal do YouTube, Zico, considerado o maior jogador da história do Flamengo, deu seu ponto de vista sobre tudo que envolveu os...