terça-feira, setembro 29, 2020
Início Notícias Fla x Flu mostra que Pacaembu tem mesma vocação de SP.

Fla x Flu mostra que Pacaembu tem mesma vocação de SP.

Foto: Reprodução Internet

BLOG
DO PERRONE
: O Fla-Flu deste domingo no cai no colo do Pacaembu como um presente
para o estádio que foi tido como acabado para o futebol depois da abertura da
casa própria do Corinthians, seu principal cliente na últimas décadas.

Como
num passe de mágica, quando tudo parecia perdido, o estádio municipal de São
Paulo ganhou vida nova em 2016. Três dos quatro grandes paulistas já mandaram
jogos lá este ano. Palmeiras e São Paulo por causa de reformas nos gramados de
Allianz Parque e Morumbi, e o Santos por opção, de olho em rendas melhores do
que na Vila Belmiro.
O
grande paulistano que falta, o Corinthians, também se apresentará lá durante a
Olimpíada do Rio, já que sua arena será usada na competição.
Assim,
como segunda casa de todos e sem obras milionárias ou naming rights, o Paulo
Machado de Carvalho se manteve na ativa. E com o clássico carioca ganha uma
homenagem inesquecível pouco antes de completar 76 anos no dia 27 de abril.
Dessa vez, mais do que como lar alternativo, o Paca (para os íntimos), mostra
que também tem a mesma vocação da cidade a qual pertence: receber quem vem de
outros Estados.
Os
organizadores de Flamengo e Fluminense podem ter aberto um caminho que coloca
em sintonia o estádio municipal e São Paulo. Se há gente de todo Brasil em
grandes quantidades na capital paulista, abrigar clássicos de outros cantos do
país parece ser uma grande sacada. É a chance de dar a oportunidade para
baianos, pernambucanos, cearenses, mineiros, gaúchos, catarinenses, entre outros,
verem seus times em ação sem precisar botar o pé na estrada. Isso enquanto os
clubes exploram um novo mercado.
A
administração do Pacaembu aposta nisso. Acredita que vai receber mais clássicos
de visitantes graças ao exemplo carioca.
Seria
colocar na vanguarda um estádio que não se modernizou para virar arena, mas
nunca saiu de moda. Seja quebrando o galho de times com problemas em seus
estádios ou sempre abrindo os braços para quem mora na cidade ou a visita. Pode
ser em seu ginásio, sua piscina ou até do lado de fora, recebendo fanáticos por
carros antigos, praticantes de automodelismo, torcedores que lotam o Museu do
Futebol, escritores e cineastas que lá mostram suas obras sobre o esporte, nas
badaladas feirinhas gastronômicas ou nas simples feiras livres (o pastel
vendido lá é um dos mais comentados da cidade).

MAIS LIDOS

Paquetá é vendido pelo Milan e Fla receberá milhões

O Flamengo fez muitas negociações ao longo dos últimos anos com o futebol europeu. Uma das maiores negociações foi o meia atacante Paquetá, jogador que foi...

Libertadores: Gabigol deve jogar contra o Del Valle

O Flamengo tem amanhã, quarta-feira, um dos jogos mais importantes da temporada. O Rubro-negro mede forças com o Independiente del Valle, em jogo válido pela quinta rodada...

Flamengo consegue novo patrocinador; ganho será milionáro

O Flamengo continua sendo o clube mais procurado no futebol brasileiro em questão de patrocínios. O Rubro-negro já recebe uma bolada do banco BRB, enquanto...

Grupo City fica perto de contratar Lincoln

O Fla hoje possui uma das bases mais promissoras do futebol sul-americano. Ao longo dos últimos anos, vários atletas de muita qualidade técnica foram negociados...