Flamengo critica Monark nas redes sociais; veja o comentário do clube

Flamengo critica Monark nas redes sociais; veja o comentário do clube

Monark, apresentador do Flow Podcast, defendeu a criação de uma partido nazista no Brasil. A opinião de Monark vai contra os princípios básicos da nossa constituição e, por conta disso, ele foi duramente criticado nas redes sociais. Nas redes sociais, o Flamengo tratou de lamentar a falta do apresentador. O Clube de Regatas do Flamengo […]

#flahoje #flamengo #mengo #mengão #sempreflamengo #flamengoatemorrer #issoaquiéflamengo #vaipracimadelesmengo #vamosflamengo #issoaquieflamengo #acimadetudorubronegro #rubronegro #umavezflamengo #flamenguista #maiordomundo #crf #srn #fla #raça

Monark, apresentador do Flow Podcast, defendeu a criação de uma partido nazista no Brasil. A opinião de Monark vai contra os princípios básicos da nossa constituição e, por conta disso, ele foi duramente criticado nas redes sociais.

Nas redes sociais, o Flamengo tratou de lamentar a falta do apresentador.

O Clube de Regatas do Flamengo repudia veementemente qualquer tipo de citação positiva referente ao nazismo, período marcado por tanto sofrimento, perseguição, tortura e genocídio. É inadmissível ainda existirem pessoas que exaltem este tipo de pensamento desumano e cruel.

Mauro Cesar defende Paulo Sousa de críticas sofridas após derrota no clássico: “Em dois jogos, aí é brincadeira”

Na tarde do último domingo (6), o Flamengo de Paulo Sousa teve seu primeiro grande teste da temporada diante do Fluminense, em partida válida pela quarta rodada do Cariocão. O rubro-negro teve um bom primeiro tempo, porém, foi mal na segunda etapa e acabou sofrendo o gol da derrota por 1 a 0 nos minutos finais do clássico.

Além de alguns jogadores, o técnico Paulo Sousa recebeu críticas principalmente por conta de algumas escolhas na escalação da equipe, entre elas, a escalação do veterano Diego Ribas, muito criticado pela nação na última temporada, e do lateral Rodinei.

Em relação ao inicio de pressão sofrido pelo técnico português depois da derrota no clássico, o jornalista Mauro Cesar Pereira, colunista do UOL Esportes, acredita que há um exagero, já que o técnico vem do futebol europeu e precisa conhecer a equipe. Além disso, Mauro cita o exemplo de Jorge Jesus, que teve muita dificuldade em seus primeiros jogos com o Flamengo.

“Quando se fala que vai virar pré-temporada, é pré-temporada. O técnico é português, veio lá da Polônia, estava na Europa, ele não conhece os jogadores a fundo, ele vai fazer as experiências. Foi uma atuação ruim do Flamengo e também foi atuação ruim do Fluminense, alguém gostou da atuação do Fluminense?”.

“As experiências são algo inerente a este momento, não há como montar um time com uma nova comissão técnica de uma hora para outra, as pessoas precisam aprender isso. O Guardiola sofreu no primeiro ano dele de Premier League, hoje ele domina o futebol na Inglaterra e põe todo mundo no bolso…”

Jorge Jesus também sofreu em seu inicio no Flamengo

“Jorge Jesus, para quem não se lembra, foi eliminado na primeira competição que disputou, que foi a Copa do Brasil pelo Athletico-PR nos pênaltis, quase foi eliminado da Libertadores pelo Emelec, colocou o Rafinha no meio-campo, em jogo de Libertadores fora de casa. Eliminou nos pênaltis o Emelec e no jogo seguinte estreou o Filipe Luís na Bahia para marcar o Artur, e o Flamengo tomou de 3 a 0, com três gols do Gilberto”.

“Entendo a insatisfação com o resultado, com a atuação, o torcedor tem todo direito de ficar assim, mas sentenciar um fim de trabalho, técnico não serve, aí realmente é demais, aí é descer o nível do debate, porque não tem condição, em dois jogos, aí é brincadeira”.

  • Autor: Romário Carvalho ,
  • 08/02/2022 ,
  • Atualizado: 08/02/2022

Flahoje.com surgiu como uma alternativa para os flamenguistas curtirem as notícias do seu time imparcialmente.

© 2022 Flahoje. Todos os direitos reservados.