sábado, setembro 19, 2020
Início Notícias Flamengo de Zé Ricardo não brilha, mas ocupa melhor os espaços.

Flamengo de Zé Ricardo não brilha, mas ocupa melhor os espaços.

Foto: Paulo Sérgio/Lancepress!

BLOG
DO ANDRÉ ROCHA
: O Flamengo de Muricy Ramalho era engessado ao atacar e expunha
a defesa com as linhas adiantadas e a incapacidade de controlar o jogo. Dois
pontas abertos tirando os corredores dos laterais, William Arão avançando e
deixando um buraco na intermediária defensiva.

Com
dois jogos sob o comando de Zé Ricardo, o Flamengo está longe de ser brilhante
e as vitórias sobre Ponte Preta e Vitória não podem ocultar isso. A equipe,
porém, já ocupa melhor os espaços em campo. A distribuição dos jogadores e a
movimentação são mais inteligentes.
No
primeiro tempo com Mancuello. Aberto à esquerda, mas também circulando por todo
o ataque. Na melhor oportunidade, Felipe Vizeu fez toda a jogada por aquele
lado e serviu o argentino que perdeu gol feito e Marcelo Cirino desperdiçou sem
goleiro.
O
atalho, porém, era pela direita, com Rodinei levando vantagem sobre Diego Renan
e Dagoberto. Porque Marcelo Cirino se movimentava. Assim como Mancuello e Alan
Patrick deixando o corredor para Jorge apoiar.
O
meio-campo ficou mais compacto com Arão próximo de Márcio Araújo. Em números um
4-2-3-1. Muralha quase não correu riscos, foram apenas três finalizações do
Vitória no Raulino de Oliveira. Vinte desarmes certos rubro-negros, oito de
Arão.
O
problema é construir volume de jogo, já que o time, mesmo evoluindo, ainda é
descoordenado. A tomada de decisão dos jogadores e os deslocamentos não estão
afinados.
O gol
saiu no abafa da segunda etapa, com Vizeu. Uma das duas finalizações no alvo,
de 14 no total. Nada que encante, mesmo crescendo com a entrada de Everton.
Depois Gabriel e Cuéllar. O Vitória não se mostrou capaz de proporcionar um
teste importante. O Palmeiras que virou para 4 a 3 sobre o Grêmio no Pacaembu
deve ser.
No
Mané Garrincha será possível observar mais e melhor o time de Zé Ricardo e
Vizeu. Um novo Flamengo que ganha confiança no G-4.

MAIS LIDOS

Os pecados da diretoria na escolha do novo treinador

A diretoria rubro-negra logo que informada da saída de Jorge Jesus, deixou algo bem claro, gostaria de contar novamente com um estrangeiro. Tal decisão...

Opinião: Dias contados para Domenec no Flamengo

Uma derrota vexatória diante do Independiente Del Valle, uma atuação totalmente desinteressada e uma torcida que perdeu a paciência, esses e outros fatores apontam...

Jorge Jesus é relembrado por torcedores do Flamengo após goleada

Jorge Jesus marcou seu nome na história do futebol brasileiro e do Flamengo. Com cinco títulos na bagagem, o português deixou o Mais Querido...

Fla: Comentarista faz duras críticas à Domènec após goleada

A goleada sofrida pelo Fla na última quinta-feira (17), por 5 a 0, contra o Independiente Del Valle, do Equador, fez com que muitas...