Recopa: Conmebol divulga premiação e Flamengo pode embolsar quase R$ 10 milhões

0
Gabigol - Flamengo
Gabigol - Flamengo

Torneio que será disputado entre os campeões da Copa Libertadores da América e da Sul-Americana, a Recopa é uma das chances do Flamengo começar o ano com o pé direito. O negro-negro vai enfrentar o Independiente Del Valle (EQU).

Além da oportunidade de iniciar a temporada com um troféu, o que dará mais confiança ao elenco para o restante da jornada, a equipe carioca está de olho na ótima premiação da Conmebol.

Nesta semana, a Conmebol divulgou a premiação para os participantes da Recopa Sul-Americana, que terá melhores valores em relação à última edição do torneio.

Deste modo, a equipe que se sagrar campeã embolsará 1,8 milhões de dólares (R$ 9,36 milhões na cotação atual), enquanto o vice fica a metade, 900 mil dólares (R$ 4,68 milhões na cotação atual).

A premiação é 2,7% maior em relação ao que foi pago pela entidade aos participantes da última edição. Na ocasião, o Palmeiras superou o Athletico-PR e ficou com o título.

O Flamengo pode alcançar o segundo troféu da competição na história, enquanto o Independiente Del Valle pode dar ao Equador o terceiro caneco: LDU conquistou duas vezes. O rubro-negro foi campeão em 2020, diante do próprio time equatoriano.

Flamengo e Independiente Del Valle duelam nos dias 21 e 28 de fevereiro. O primeiro jogo acontece no Equador e a decisão será no Maracanã, no Rio de Janeiro. Vale lembrar que o time carioca pode chegar para a Recopa sendo campeão de dois torneios: Supercopa do Brasil e Mundial de Clubes. O rubro-negro encara o Palmeiras no dia 28 de janeiro, enquanto disputará o Mundial entre os dias 1 e 11 de fevereiro.