Um estudo recente feito pela empresa especializada em marketing “Sport Value”, colocou o Flamengo como o clube mais valioso do futebol brasileiro. Diversos fatores foram levados em consideração para chegar nessa conclusão. Questões como ativos circulantes e imobilizados, valor do elenco, da marca, registros da equipe são alguns dos usados no estudo.

O Flamengo foi avaliado em R$2,8 bilhões, liderando com sobras o ranking entre os mais valiosos. Logo atrás do rubro negro, mas com alguma distância, estão Corinthians, Palmeiras e São Paulo, com R$2,2 bilhões, R$2,1 bilhões e R$1,7 bilhões, respectivamente.

Segundo o estudo, caso o Flamengo tivesse um estádio para chama de seu, teria valor ainda maior, passando de 3 bilhões e meio de reais. Mas a solidez financeira e o investimento forte nas categorias de base, que nos últimos anos revelaram grandes jogadores, impulsiona o bom resultado.

Apesar do desempenho individual do Flamengo ser bom em relação aos clubes brasileiros. O resultado geral é bastante ruim se comparado a equipes de fora. O Dallas Cowboys da NFL por exemplo soma 5,8 bilhões de dólares enquanto todos os clubes do Brasil juntos, somam 5 bilhões de dólares.

O Flamengo tem passado por uma temporada atípica, assim como todos os clubes do mundo. O fato de não poder contar com bilheteria e outros eventos característicos de jogos com público atrapalha, mas o Flamengo se vira bem no mercado.

Leia também: É possível? Ceni aguarda ter trio de ataque de peso nas próximas rodadas

Veja também: Com recursos do CBC, Flamengo investe em equipamentos para os esportes olímpicos