quinta-feira, outubro 1, 2020
Início Notícias Flamengo empata e Palmeiras é o único favorito.

Flamengo empata e Palmeiras é o único favorito.

Guerrero comemorando gol pelo Flamengo no Maracanã – Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

BLOG
DO BIRNER
: Simples e óbvio

Questão
matemática e de futebol. O que o Flamengo tem feito nas últimas rodadas, se
comparado ao que mostrou o Alviverde, é insuficiente para conseguir ultrapassar
o líder na tabela de classificação.
Cada
clube pode somar mais 18 pontos e o Rubro-Negro, se obtiver todos, o que é
difícil, terá que torcer para o concorrente tropeçar três vezes e numa dessas
sequer pontuar. O Palmeiras fez 32 jogos e perdeu apenas cinco.
Em
suma, é necessária grande alteração de rumo do Palmeiras, além da plena
precisão carioca, para o o Rubro-Negro festejar ao cabo do torneio.
O
futebol afirma que é sempre necessário aguardar para comemorar.
Ninguém
pode ter convicção que o pais sabe qual será o campeão, mas a tendência muito
grande é de Paulo Nobre conseguir o que sonhou ao investir fortuna para tornar
a agremiação forte dentro dos gramados.
As entrevistas que ‘garantiram pontos’
Houve
o neo-pênalti favorável ao Sport, após Diego Souza cabecear e a bola tocar no
braço de Mina. Em seguida o lance continuou favorável a time do Recife, que
tentou o gol e parou em Jaílson.
O
goleiro saiu jogando e Moisés fez o lançamento preciso para Dudu, em frente ao
Magrão, finalizar e comemorar no Allianz Parque.
O
Alviverde teve a sorte no equívoco de quem deveria cumprir as regras. e apenas
o prejudicado no jogo, melhor durante o primeiro tempo, pode reclamar.
O gol
de empate do Flamengo contra o Corinthians aconteceu no impedimento simples de
ser observado e marcado.
Dirigentes
de ambas as agremiações beneficiadas na rodada silenciaram, por enquanto, o
populismo que pareceu eficaz, pois houve grandes equívocos favoráveis para as
duas.  Ou foi isso ou tiveram muita
sorte.
Lembro
que o Atlético sonha ganhar e nem tudo se resume à disputa pelo troféu ou fuga
do rebaixamento que preenchem as manchetes. 
Há mais clubes. cada qual tem os próprios interesses, no torneio de
pontos corridos.
Muitas reclamações e equívocos nas
finalizações
Sport
tem sistema de marcação que comparo a uma peneira. Em todos os setores há
lacunas para os oponentes criarem as oportunidades de gol.
Tomou
50, contando os de hoje, no torneio.
O
Alviverde é a agremiação mais artilheira. Mesmo com a ausência de Gabriel
Jesus, deveria ganhar com facilidade, se fosse competente para manter o padrão
que o fez líder e maior favorito
O
Sport tornou complicado o que deveria ser simples.
Foi
superior em parte do jogo, aproveitou as brechas que o meio de campo do
Palmeiras ofereceu, teve as maiores oportunidades  e Rogério igualou; a agremiação ditava o
ritmo quando o Alviverde fez gol em lance no qual Moisés cobrou o lateral na
área,  houve o rebote e a finalização de
Tchê Tchê na qual goleiro poderia intervir.
O
Alviverde, no meio de campo e lateral, foi vulnerável.
Cuca
escalou Tchê Tchê, Moisés e Jean, todos participando da criação, mais Allione
na direita que tinha de ir à frente e recompor o sistema de marcação no setor.
Fabiano e Zé Roberto atuaram na linha dos zagueiros.
Éverton
‘em cima’ do veterano destro, Rodney Wallace no destro.  Diego Souza e Rogério se movimentando, todos
com muita velocidade, encontraram grandes lacunas no meio de campo e
sobrecarregaram quem atuou atrás no time favorito, dificultaram a transição à
frente do Alviverde e criaram oportunidades para conseguirem alguns gols.
O futebol pobre diante das possibilidades
O
Flamengo ficou treinando e o Corinthians se desgastou diante do Cruzeiro na
eliminação da Copa do Brasil. Tinha obrigação de conseguir volume de jogo capaz
de tornar o andamento incômodo para o atual campeão do torneio.
A
torcida tem apoiado dentro e fora dos gramados. Referendou a postura positiva
com disposição às horas na fila para adquirir os ingressos, mas se frustrou com
o insuficiente repertório da agremiação.
O
Rubro-Negro investiu em chuveirinhos. O Alvinegro, como aconteceu com o Sport
no Allianz Parque, foi superior principalmente no primeiro tempo e poderia
ganhar.
Guilherme
fez o gol com a precisa finalização fora da área.

Ricardo, embasado no futebol do time nas últimas rodadas, tinha ideia que era
necessário elevar o padrão. Iniciou com Emerson Scheik e Mancuello pelos lados,
e Diego por dentro no meio de campo. Como sempre, Willian Arão podia ir á
frente e Marcio Araújo priorizou a marcação.
São
quatro atletas de qualidade com a bola, o volante destro é a exceção, havia
possibilidade de alternarem os lances de gol, mas turbinaram Guerrero com
cruzamentos.
O
centroavante igualou no impedimento dos grandes, o Alvinegro ficou à frente com
Rodriguinho quando Romero chegou à linha de fundo e tocou para o autor do gol
inicial com inteligência fazer a ‘deixadinha’ para o volante, e Diego cobrou
escanteio no qual o peruano, dentro da pequena área, de cabeça finalizou e comemorou.
O
treinador tinha tentado otimizar a criação aumentando a velocidade pelos ladoa
com Fernandinho na vaga de Mancuello, e depois da exclusão do Guilherme no
trigésimo minuto reforçando a jogada aérea com Leandro Damião na de Willian
Arão, e os cruzamentos ao trocar Jorge por Chiquinho.

MAIS LIDOS

Audiência do Flamengo no SBT vence a Globo; veja os números

O Flamengo jogou na noite desta quarta-feira diante do Independiente del Valle, em confronto válido pela Libertadores da América. Diferentemente do jogo de ida...

Torcedores invadem perfil do Del Valle e devolvem provocações após goleada

O Flamengo entrou em campo na noite desta quarta-feira, em jogo válido pela Libertadores da América. O torcedor do Rubro-negro ficou preocupado com o...

Flamengo se impõe e atropela Del Valle em noite de classificação garantida; veja as notas

O Flamengo entrou em campo diante do Independiente Del Valle, mais uma vez todo remendado. Mas a presença dos garotos do sub-20 parece não...

Com novidades: Escalação do Flamengo contra o Del Valle

O Flamengo entra em campo na noite desta quarta-feira em jogo válido pela Libertadores da América. O confronto colocará frente a frente o atual...