sexta-feira, setembro 18, 2020
Início Notícias Flamengo enfrenta o líder do quadro de medalhas da Rio 2016.

Flamengo enfrenta o líder do quadro de medalhas da Rio 2016.

Foto: Divulgação

BOTECO
DO FLA
: Apesar da Soberba e do Oba-Oba serem arraigados de forma nata na
Sociedade Flamenga, sempre chega aquela hora em que temos que ser humildes.
Hoje é um desses dias. Parabenizar o Sport Campeão do Universo Recife, que vem
liderando de forma avassaladora o quadro de medalhas dos excelentes jogos
olímpicos disputados na Cidade Maravilhosa. Com uma boa margem de vantagem
sobre o terceiro e quarto colocados, respectivamente Estados Unidos e China, a
Delegação do Leão da Ilha teve, como de hábito, um desempenho soberbo. Quebrou
recordes olímpicos e mundiais (que já pertenciam à equipe pernambucana) nas
categorias Delírio Coletivo Com Barreiras, Levantamento de Taças Inexistentes e
Bad Minto.

Com as
atenções do rubro-negro de Recife divididas entre o Campeonato Brasileiro e a
Rio 2016, pode ser até que tenhamos vida menos complicada do que seria se a
Fuga do Z4 fosse a única atividade atual dos nossos adversários. Um outro fator
que dá uma ligeira ajuda é a mudança do local da partida. Comportamento
constante na Bíblia Azul, “mais vale um qualquer na mão que três pontos
voando”, parece ter feito escola do Oiapoque ao Chuí. Após o Santos trocar
a Vila Belmiro por 30 dinheiros no confronto contra a gente, a diretoria do
Sport também descartou a Ilha do Retiro e levou tudo para a Arena Fifense
Pernambucana onde, vale lembrar, ainda permanecemos invictos após quatro
partidas.
Em
campo, Zé Ricardo não deve promover nenhuma surpresa e a equipe deve ser a
mesma que venceu o Atético Paranaense na rodada anterior. A não ser que entre
no segundo tempo, todos nós vamos continuar com aquela curiosidade sobre qual
Damião compramos. Porque… Se o cara recupera com o Manto aquela performance
que mitava alguns anos atrás, taca ele lá na frente junto com o Guerrero e vê o
que acontece. Diego também não vai pra campo porque, em condições ideais ou
não, será poupado para a partida/festa de estreia contra o Grêmio em Brasília.
A
tabela para essa rodada está uma delícia. Todo mundo da parte alta se
enfrentando e, em caso de conquistarmos os três pontos, a tendência é que
consolidemos mais ainda nossa posição na Zona Nobre da tabela. Óbvio que isso
gera mais e mais referências nas redes sociais ao tal Cheirinho de Hepta. E é
claro que já tem gente reclamando até disso. É Oba-Oba sim, mas qual exatamente
o problema disso? A comissão técnica, os jogadores, a diretoria, todos esses têm
a obrigação de manter o foco e a seriedade. Nós torcedores, não. Não devemos
cultuar a ranzinzice a cultura do péssimo humor. Vamos brincar sim, curtir o
momento, estufar o peito e falar qualquer merda que vier à cabeça. “Mas e
se o Hepta não vier?”, perguntarão os mais comedidos. E daí? Se não pintar
esse ano, pinta no ano que vem, no outro, sei lá. Estamos só comemorando uma
possibilidade. Tem gente por aí que comemora até título que não ganhou. E como
tem.
Sorín

MAIS LIDOS

Os pecados da diretoria na escolha do novo treinador

A diretoria rubro-negra logo que informada da saída de Jorge Jesus, deixou algo bem claro, gostaria de contar novamente com um estrangeiro. Tal decisão...

Opinião: Dias contados para Domenec no Flamengo

Uma derrota vexatória diante do Independiente Del Valle, uma atuação totalmente desinteressada e uma torcida que perdeu a paciência, esses e outros fatores apontam...

Jorge Jesus é relembrado por torcedores do Flamengo após goleada

Jorge Jesus marcou seu nome na história do futebol brasileiro e do Flamengo. Com cinco títulos na bagagem, o português deixou o Mais Querido...

Fla: Comentarista faz duras críticas à Domènec após goleada

A goleada sofrida pelo Fla na última quinta-feira (17), por 5 a 0, contra o Independiente Del Valle, do Equador, fez com que muitas...