Publicidade

Flamengo escolhe economizar para comprar emprestados

Publicidade

Nos últimos dias o Flamengo negociou com o Atlético MG e seus diretores uma possível compra do lateral Guga, os valores porém foram considerados muito elevados e o Flamengo decidiu guardar para comprar seus emprestados.

O Flamengo até teria dinheiro para adquirir o jovem lateral do Atlético MG, porém o valor a ser desembolsado pelo rubro-negro poderia comprometer as condições de adquirir um jogador no futuro. E é justamente nesse ponto que Marcos Braz se preocupa. Pedro Rocha, Pedro e Thiago Maia, todos os três estão no rubro-negro por empréstimo e apresentam futebol de alto nível. Para todos estes existe uma cláusula de compra que o Flamengo poderá exercer antes do término do empréstimo.

Levando em consideração o orçamento, a boa expectativa com Isla e Matheusinho e o bom desempenho de Pedro Rocha, Pedro e Thiago Maia, a direção entende que hoje precisa fazer caixa para comprar os emprestados.

Ou seja, hoje a prioridade do Flamengo é de manter o elenco. Matheusinho é visto como uma joia em processo de lapidação. Como qualquer jogador novo, apresentará problemas pontuais a serem corrigidos, problemas esses que tendem a diminuir se bem orientado. Vale dizer que o Flamengo também possui o João Lucas no elenco para a posição.

O Flamengo teria que desembolsar um valor próximo a R$107 milhões de reais se quiser comprar seus três jogadores emprestados. Cifras que explicam o desejo por economizar. Apenas Thiago Maia custa 7 milhões de euros, que na cotação atual chega a 43 milhões de reais. O Flamengo joga nesse domingo diante do Ceará, confira os relacionados.

Leia também: Filipe Luís revela “previsão” de Dome no Flamengo

Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod