quarta-feira, setembro 30, 2020
Início Notícias Flamengo justifica patrocínios pontuais.

Flamengo justifica patrocínios pontuais.

Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

GLOBO
ESPORTE
: Nesta quinta-feira, o Flamengo apresentou oficialmente a Clipper,
marca de isqueiros da empresa espanhola Flamagas S.A., como nova parceira. O
contrato por exibição na camisa por 45 dias rende R$ 800 mil ao clube. É o
segundo patrocínio pontual fechado nos últimos dias – na última sexta, a IFood
foi anunciada em entrevista coletiva, em acordo de R$ 500 mil pelo aplicativo
de comidas a domicílio até 31 de julho. Os valores ficam longe do que o
Rubro-Negro previa em seu orçamento. O diretor de marketing do clube admite que
o momento é de se adequar às dificuldades na crise brasileira. Os acordos mais
curtos, desta maneira, são saída para o Flamengo não deixar de lucrar.


Estamos sempre buscando contratos longos. Com as próprias Clipper e Ifood
esperamos dar o maior retorno possível para eles, até para que, dentro das
possibilidades deles e do Flamengo, possamos alongar essas parcerias. Se
puderem vão ficar num prazo longo no Flamengo – diz o diretor de marketing do
clube Bruno Spindel.
No
orçamento aprovado para 2016, somente em patrocínios da camisa o clube
imaginava receitas de R$ 47 milhões – deste total, apenas R$ 25 milhões da
Caixa estão garantidos. Apesar de não atingir o resultado esperado, o que
dificilmente vai acontecer até o fim deste ano, o diretor de marketing Bruno
Spindel entende que a situação é consequência das dificuldades financeiras de
grandes empresas na crise financeira do país. A aposta do diretor de marketing
é na renovação de acordos com compromissos mais duradouros num segundo momento.
– O
que o Flamengo está fazendo é se adequar à realidade do mercado. Não adianta
brigar com o mercado. Renovamos grandes patrocínios já: Caixa, Tim, Ambev e
outros patrocinadores do clube continuam. A gente está adequando as
oportunidades de patrocínio à realidade orçamentária das empresas, reduzindo
prazo dos patrocínios, até que elas tenham visibilidade maior e elas possam
fechar parcerias de longo prazo com o clube, que é a maior parceria de mídia de
futebol no Brasil. A gente tem certeza que quem tiver associado à marca
Flamengo, aos valores do esporte, do futebol, tem o retorno mais alto possível
em todos objetivos que as marcas buscam. E a gente tem certeza que não vai ser
diferente com IFood e Clipper. Esperamos renovar essas parcerias por prazos
maiores, que são os que dão maior retorno acumulativo para os patrocinadores. A
gente vai continuar buscando, trabalhando muito duro para buscar parcerias de
maior prazo, enquanto isso a gente se adapta à realidade do mercado por prazos
menores, trazendo da mesma forma retorno para todos que estão no Flamengo –
afirmou Spindel.

MAIS LIDOS

Vitinho e Marcos Braz testam negativo para Covid-19

Nesta terça-feira (29), o atacante Vitinho testou negativo para o Covid-19. O resultado já foi enviado à Conmebol e o jogador pode ficar à...

Flamengo é a aposta do SBT para bater recorde de audiência

Após a rescisão de contrato da Rede Globo com a Conmebol, o SBT é a opção para transmissão de jogos em tv aberta. Nesta...

De volta? Diego Alves treina com bola no Ninho do Urubu

Diego Alves sofreu lesão no ombro na partida contra o Santos pelo Campeonato Brasileiro - onde a equipe acabou com um empate em 1...

Zico faz duras críticas a CBF por realização de Palmeiras x Flamengo

Em seu canal do YouTube, Zico, considerado o maior jogador da história do Flamengo, deu seu ponto de vista sobre tudo que envolveu os...