• Início
  • Notícias
  • Flamengo leva gol de empate no fim e deixa em aberto semi da Libertadores
Publicidade

Flamengo leva gol de empate no fim e deixa em aberto semi da Libertadores

Publicidade

O Flamengo esteve muito próximo de garantir uma vitória sobre o Grêmio, na noite desta quarta-feira (02), pelo jogo de ida das semifinais da Libertadores. Depois de estar à frente do placar, o Rubro-Negro acabou levando gol nos minutos finais e saiu da Arena do Grêmio com um empate por 1 a 1.

Com o resultado, a semifinal da Libertadores permanece em aberto. As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo dia 23, no Maracanã, para determinar quem irá avançar para a grande decisão do torneio sul-americano.

O JOGO

O Flamengo iniciou a partida dominando às ações diante de um Grêmio mais acuado dentro de sua própria casa. Os comandados de Jorge Jesus imprimiram um forte ritmo no início do jogo, marcavam sob pressão na saída de bola do adversário e era o único a buscar o gol.

Se aproveitando da situação, o Rubro-Negro chegou ao primeiro gol aos 21 minutos, mas o lance foi revisado pelo VAR e posteriormente anulado pelo árbitro da partida. Filipe Luís levantou na área, Paulo Victor afastou mal, e Everton Ribeiro pegou a sobra na entrada da área e balançou as redes. Em revisão, o tento acabou sendo anulado depois de o juiz assinalar uma falta de Gabigol no início do lance.

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

Aos 23, mais um gol anulado, desta vez do próprio Gabigol. O atacante recebeu de Bruno Henrique dentro da área, chutou cruzado, e Paulo Victor aceitou. Em nova revisão, somente na cabine do VAR, o juiz marcou impedimento do camisa 9, em um lance claramente discutível.

Depois de ser amassado pelo Flamengo no primeiro tempo, o Grêmio voltou do intervalo totalmente diferente e mantinha mais a posse de bola. Apesar de tentar tomar conta do jogo, foi o Rubro-Negro quem assustou. Gabigol tabelou com Bruno Henrique, aos 15, e chutou rasteiro na entrada da área. A bola passou tirando tinta da trave.

Tentando ameaçar na etapa complementar, o Tricolor gaúcho parou nas grandes defesas de Diego Alves. A primeira, aos 18 minutos, com “Cebolinha”. O atacante ficou na cara do gol após bolão de Luan, chutou rasteiro no canto, mas Diego operou milagre.

A outra grande defesa aconteceu logo em seguida, aos 19. Matheus Henrique recebeu na entrada da área e arriscou, mas Diego Alves espalmou e evitou o gol do adversário.

O Flamengo mantinha o jogo e depois de levar susto por duas vezes seguidas, acabou finalmente balançando a rede. Aos 23, Arrascaeta cruzou da direita, e Bruno Henrique subiu mais alto do que Galhardo para cabecear e abrir o placar para o clube da Gávea na Arena do Grêmio.

Por: Coluna do Fla

Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod