• Início
  • Notícias
  • Flamengo marca três gols para cada um sofrido e ultrapassa com folga número alcançado por Abel
Publicidade

Flamengo marca três gols para cada um sofrido e ultrapassa com folga número alcançado por Abel

Publicidade

Muita coisa mudou na equipe do Flamengo com a chegada de Jorge Jesus. O Rubro-Negro impõe seu ritmo, é entrosado coletivamente e apresenta um futebol bem jogado. Com o portugues, o Mais Querido marca três gols para cada gol que sofre. Esse número é praticamente o dobro do que a equipe apresentou ao comando de Abel Braga, quando marcava 1,67 gol para cada um sofrido.

O time atual é técnico, trabalha a bola e diminuiu os chutões. O bom comportamento coletivo faz brilhar também a estrela individual de cada jogador: como é o caso de Gabigol, artilheiro da temporada com 32 gols. O aproveitamento de Arrascaeta é outro exemplo. Com Jesus, Giorgian é indispensável na equipe titular. Na época de Abel Braga, o jogador quase não era utilizado.

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / MARCELO CORTES / FLAMENGO

Se avaliarmos o desempenho e os resultados apresentados pelo Flamengo desde a chegada do treinador, podemos afirmar que o Mister foi uma das maiores contratações do clube para a temporada.

Com Jesus no comando, o Mais Querido é líder do Campeonato Brasileiro há oito rodadas, está na semifinal da Copa Libertadores da América e não perde há dois meses. Isso sem contar os vários recordes alcançados pelo grupo (artilharia, recorde de público, quantidade de gols na temporada, média de aproveitamento, entre outros).

O Flamengo entra em campo novamente nesta quinta (10), pelo Brasileirão. O jogo será contra o Atlético-MG, às 20h (horário de Brasília), no Maracanã. Com 52 pontos, o Rubro-Negro vai em busca de mais três para se isolar ainda mais no topo da tabela.

Dados: futdados.com

Por: Coluna do Fla
Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod