terça-feira, setembro 29, 2020
Início Notícias Flamengo mira vaga na semi do NBB diante do São José.

Flamengo mira vaga na semi do NBB diante do São José.

Globo
Esporte – Em toda a história do NBB, o Flamengo nunca ficou de fora da
semifinal da competição. Na noite desta quinta-feira, às 19h30, a equipe mira
uma vitória sobre o São José no ginásio Lineu de Moura para se garantir na
etapa e, assim, manter a escrita das últimas edições. Mas, para atingir a meta,
terá que passar por um adversário que não deve dar a vaga facilmente. Como um
revés significaria o fim da temporada para os joseenses, eles prometem ter uma
atuação melhor do que no último jogo e para forçar o quinto e decisivo duelo do
playoff. O SporTV transmite ao vivo o confronto, e o GloboEsporte.com faz a
transmissão em tempo real.

O
caminho para o Flamengo se classificar é mais curto. Como vence a série melhor
de cinco por 2 a 1, carimba a vaga com uma vitória já nesta quinta. Para o São
José, a classificação só vem se vencer o Rubro-Negro agora e, depois, triunfar
no quinto e último jogo do playoff.
O fato
de a partida ser de “vida ou morte” para o time do interior de São
Paulo é visto pelo Flamengo como motivo de alerta. Marcelinho é um dos que
pedem atenção redobrada para o embate na casa do adversário.

Sabemos que vamos enfrentar um time que estará jogando tudo, já que se eles
perderem estarão eliminados. Eles têm jogadores vencedores e que podem
desequilibrar uma partida, como Caio, Valtinho, Laws, Dedé… É preciso ter
muita atenção para gente poder fechar a série, que é o que nós queremos.
Sabemos que precisamos jogar bem, como aconteceu na terça. Só que quando nós
jogamos muito mal no segundo jogo no Rio. Embora tenhamos tido chance de
vencer, acabamos perdendo. Por isso, temos que entrar focados para não
desperdiçar a chance de fechar a série – alertou o jogador.
O
técnico José Neto reforça o coro do camisa 4. Ao fim da terceira partida do
playoff, em que os flamenguistas venceram por 86 a 68, o comandante elogiou a
postura defensiva da equipe. Para vencer nesta quinta-feira, deseja que a
postura defensiva seja mantida.
– Na
partida de ontem, conseguimos ter o controle de jogo pela defesa. Não é nada
fácil defender a equipe de São José, que sabe usar bem suas peças. Muito mérito
da atitude dos nossos jogadores que conseguiram executar muito bem o que
tínhamos planejado. Ofensivamente jogamos melhor coletivamente e pudemos manter
uma regularidade. Playoff é assim: cada jogo tem sua história. Vamos para esta
próxima partida tendo consciência da necessidade de jogar ainda mais forte se
queremos sair com mais uma vitória, que nos dá a passagem para a próxima fase
da competição – destacou.
Enquanto
o Flamengo espera manter a atuação do último jogo, o São José quer atuar de
forma completamente distinta. Para o técnico Luiz Zanon, a receita para ter
chances de superar o Rubro-Negro é jogar “no ápice” das condições
físicas, técnicas, táticas e emocionais. Algo que ele acredita que faltou ao
time na terceira partida da série.
– Se
você ver cada jogo desse playoff, foi assim: no primeiro, eles sobraram. No
segundo, nós, mordidos, buscamos. No terceiro, eles mordidos e buscaram. Espero
que agora continue essa escrita. Nós mordidos, eles mais descontraídos, para
buscarmos essa vitória e forçar o quinto jogo. (…) Sabemos da qualidade
deles. O Flamengo não tem todas essas conquistas se não tivesse esse bom
trabalho. Mas isso tem que ser um fator de motivação. Vamos buscar em cima de
um grande. É mais gostoso você ganhar de quem você não pode, do que em cima de
quem você pode – comentou Zanon.
Os
dois primeiros confrontos da série, aliás, são apontados pelos joseenses como
uma prova de que é possível empatar o playoff. Após perder o primeiro jogo por
uma larga diferença, o São José deu o troco na partida seguinte. Essa reação
serve para inspirar o time neste momento. O armador Valtinho, capitão da
equipe, espera por uma postura diferente do duelo dessa terça-feira, 28.
– No
último jogo, não tivemos essa força para reverter uma situação. Começamos até
bem, mas no segundo quarto desandou e não conseguimos reverter o quadro. Coisa
diferente do jogo no Rio, em que conseguimos jogar forte, físico, os 40
minutos. Eles não conseguiram fazer bolas fáceis. No último jogo, parecia que
estávamos sem força, não conseguindo. Amanhã é dia de disso. De ter contato,
não deixar jogar fácil, não deixar contra-ataque, não deixar bandejas… Isso
tem que ser os 40 minutos, porque se você der cinco minutos de bobeira, eles
fazem. Temos que estar com essa pegada, essa volúpia. Assim, com certeza nós
dificultamos o jogo. E não deixando eles abrirem uma diferença, chega no último
quarto e tudo pode acontecer – disse.
Confira a programação da série entre
Flamengo (2º) 2 x 1 São José (11º)
23/04
– Flamengo85 x 62 São José – Ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio
25/04
– Flamengo 76 x 82São José – Ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio
28/04
– São José 68 x 86 Flamengo – Ginásio Lineu de Moura, em São José dos Campos
30/04
(19h30) – São José x Flamengo – Ginásio Lineu de Moura, em São José dos Campos

MAIS LIDOS

Vitinho e Marcos Braz testam negativo para Covid-19

Nesta terça-feira (29), o atacante Vitinho testou negativo para o Covid-19. O resultado já foi enviado à Conmebol e o jogador pode ficar à...

Flamengo é a aposta do SBT para bater recorde de audiência

Após a rescisão de contrato da Rede Globo com a Conmebol, o SBT é a opção para transmissão de jogos em tv aberta. Nesta...

De volta? Diego Alves treina com bola no Ninho do Urubu

Diego Alves sofreu lesão no ombro na partida contra o Santos pelo Campeonato Brasileiro - onde a equipe acabou com um empate em 1...

Zico faz duras críticas a CBF por realização de Palmeiras x Flamengo

Em seu canal do YouTube, Zico, considerado o maior jogador da história do Flamengo, deu seu ponto de vista sobre tudo que envolveu os...