domingo, setembro 27, 2020
Início Notícias Flamengo: onde nós estamos?

Flamengo: onde nós estamos?

Livro
A Nação – Para entender a real situação comparativa do Flamengo no cenário do
futebol brasileiro na conjuntura contemporânea, é feito abaixo uma síntese do
desempenho do clube no Campeonato Brasileiro na era de pontos corridos. A
conclusão é bastante clara: os clubes que estiveram financeiramente melhor
estruturados tem um desempenho bem superior aos demais, que só ocasionalmente
aparecem no topo.
Primeiro,
uma análise comparativa entre o desempenho do Flamengo e o benchmark, os dois
clubes que dominaram economicamente o cenário brasileiro nos últimos 10 anos:
São Paulo e Corinthians. Chama atenção em especial a comparação de desempenho
frente ao São Paulo: nas últimas 12 edições do BRasileirão, o Flamengo só
terminou a frente do Tricolor Paulista duas vezes, em 2009, quando teve a dupla
Adriano e Petkovic, e em 2011, quando teve a dupla Ronaldinho Gaúcho e Thiago
Neves.
A
estruturação financeira do São Paulo lhe permitiu um desempenho impressionante:
nos últimos 12 anos, o São Paulo só ficou fora do grupo de 10 primeiros
colocados da tabela uma única vez!
Agora
agrupando em quatro faixas, com a quantidades de anos, nas últimas 12 edições
(Era de Pontos Corridos), que cada clube terminou entre a 1ª e a 5ª colocação,
entre a 6ª e a 10ª, entre a 11ª e a 15ª, ou em 16º lugar ou pior que isto.
Comparando primeiro contra os paulistas: o desempenho é explicitamente inferior
ao de São Paulo e Santos, não muito diferente do Corinthians, e melhor que o do
Palmeiras.
Comparando
com gaúchos e mineiros, o desempenho é claramente inferior ao de Internacional,
Cruzeiro e Grêmio, e similar ao do Atlético Mineiro.
Comparando
com os rivais cariocas, o desempenho é similar ao do Fluminense, e bem superior
aos desempenhos de Botafogo e Vasco.
Na
comparação frente a paranaenses e catarinenses, um desempenho bem similar ao do
Atlético Paranaense, e bem superior aos demais.
Numa
última comparação, o desempenho rubro-negro é bem superior frente a este grupo
de clubes, ainda que caiba uma ressalva, o Goiás conseguiu ficar 7 vezes entre
os 10 primeiros colocados, e o Flamengo ficou 6 vezes.
A
lição é: urge que o Flamengo se descole dos clubes com desempenho intermediário
e consiga se intrometer entre aqueles que tem dominado o cenário do futebol
brasileiro há mais de uma década!
Fazendo
um último exercício, para ajudar a dimensionar este desempenho, transformo
estas informações numa nota de 0 a 10. A mecânica é simples: se um clube for
campeão em todos os anos, teria nota 10, se fosse 2º lugar todos os anos teria
um 9,5, em 3º lugar em todos os anos ficaria com 9,0, e assim por diante.
Pegando a média das colocações nestes 12 campeonatos, as notas dos 13 melhores
colocados estão abaixo. Só três clubes “passam de ano” (tem nota
acima de 7): São Paulo, Cruzeiro e Internacional. O Flamengo tem o 8º lugar.
Replicando
o exercício, porém considerando apenas os resultados das 5 últimas edições do
campeonato, cinco clubes “passam de ano”: Corinthians, Fluminense,
Grêmio, Cruzeiro e São Paulo. O Flamengo tem uma sofrível nota 5, e é apenas o
11º colocado. Sofrível!!
A
conclusão é bastante clara: os clubes que estiveram financeiramente melhor
estruturados tem um desempenho bem superior aos demais, que só ocasionalmente
aparecem no topo.
Marcel Pereira

MAIS LIDOS

César não viaja para São Paulo e desfalca Flamengo

O Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro suspendeu a partida do Flamengo diante do Palmeiras deste domingo. Por não ser uma decisão...

Palmeiras ameaça paralizar o Brasileirão e torcida do Fla não deixa barato

O Flamengo está com vários atletas contaminados, além de dirigentes e membros da comissão técnica. Com o jogo marcado contra o Palmeiras neste domingo,...

UFC 253 ao vivo: Adesanya x Borrachinha

O fim de semana terá muitos eventos esportivos ao vivo. Um dos mais esperados é o UFC 253 ao vivo, onde envolve o brasileiro Paulo...

Palmeiras x Flamengo é suspenso

O jogo entre Palmeiras x Flamengo, que iria acontecer neste domingo, está suspenso. O Sindiclubes, sindicato que representa os atletas do Rio, entrou na...