Flamengo pode e merece mais.

Berrio, Rodinei e Vinicius Júnior comemorando gol do Flamengo contra o Bahia – Foto: Staff Image

ESPN
FC
: Por João Luis Jr.

Existem
duas maneiras de ler a vitória de 1×0 do Flamengo sobre o Bahia, neste domingo.
Por um
lado foi uma vitória importante, fora de casa, contra um time perigoso, e que
garantiu ao Flamengo a possibilidade de terminar a rodada dentro do G4, o que,
se o campeonato terminasse hoje, garantiria a classificação para a
Libertadores. Ainda que, claro, se o Campeonato Brasileiro terminasse na 10ª
rodada alguma coisa muito ruim teria acontecido e não sei nem se teria
Libertadores ano que vem.
Por
outro lado, foi uma partida em que o Flamengo, um time de investimento
financeiro muito alto e com grandes nomes do futebol do nosso continente, só
conseguiu vencer uma equipe recém-chegada na série A e com apenas 10 em campo
graças a um gol absolutamente fortuito, além de passar por uma ou duas
situações de perigo totalmente desnecessárias e apresentar um futebol que, se
Charles Miller tivesse tido a oportunidade de ver, ele apenas deixaria as bolas
no barco e diria pra galera “vocês já ouviram falar em gamão? Esse, sim, é um
jogo divertido”.
E aí
acredito que começa a pesar a visão que cada um de nós tem do Flamengo, do
futebol, e a expectativa que cada um tem do trabalho do Zé Ricardo e dos
resultados que essa equipe pode alcançar.
É
correto apenas comemorar a vitória, os três pontos, e ver isso como uma vitória
da frieza do Zé que manteve o esquema dele independente da situação do jogo? É
uma leitura possível, claro. Afinal, no fim da partida o Flamengo alcançou seu
objetivo – vencer – e levou 3 pontos muito importantes para casa, além de
sermos um time que não perde há 5 jogos e o jogador que Zé Ricardo lançou no
segundo tempo decidiu a partida.
Mas
também é uma leitura possível acreditar que esse Flamengo pode mais. Achar que
depender da sorte para vencer times que possivelmente terminarão o ano
rebaixados é pouco para todo o investimento que foi realizado nessa equipe.
Achar que com as peças que Zé tem disponíveis seria possível jogar mais futebol
do que isso. Achar que a insistência dele com jogadores que não vem tendo o
desempenho esperado já custou resultados importantes e pode vir a custar muito
mais em momentos decisivos no futuro. Achar que contra uma equipe inferior e
com um jogador a menos o Flamengo deveria ser capaz de mais do que comemorar um
gol achado numa partida em que o momento mais emocionante foi um jogador do
Bahia ser expulso por apanhar do próprio amigo imaginário.
E por
mais que entenda quem defende a primeira opção, eu prefiro sonhar mais alto.
Acho que o Flamengo pode e merece mais. Acho que é possível um Flamengo sem
Márcio Araújo e Arão juntos, um Flamengo com mais saída de bola, um Flamengo
com mais criação de oportunidades, que não dá tela de erro diante de qualquer
equipe que se feche na defesa. Acredito que, se foi possível fazer o Flamengo
jogar tão bem em 2016, com menos peças, com gente do nível de Cirino na equipe,
é possível tornar esse Flamengo 2017 um dos times mais perigosos do Brasil. Com
toque de bola, com armação de jogada, com futebol ofensivo, com coragem, com
variação tática, com a consciência de que ninguém é insubstituível numa equipe
desse porte.
Pode
parecer corneta, pode parecer perseguição, pode parecer postura de torcedor que
nunca fica satisfeito com nada? Mas, pra mim é apenas o meu jeito de,
consciente da dimensão do Flamengo, do potencial dos jogadores, até mesmo do
que eu já vi o próprio Zé Ricardo extrair dessa equipe, cobrar que o Flamengo
esteja à altura dos desafios que ele vai enfrentar. Porque, sim, foi uma
vitória, foram 3 pontos, foi importante. Mas se você acha que com esse futebol,
com essa postura, com esse nível de atuação o Flamengo vai garantir 3 pontos
diante do Corinthians, do Grêmio, de um grande time sul-americano, eu respeito
a sua forma de pensar, mas acredito que você está tão enganado que, se a razão
fosse um bairro, o ônibus pra lá não passaria nem perto da sua rua.

Por: FlaHoje

MAIS LIDOS

Rogério Ceni é detonado por Zinho após eliminação

O Flamengo jogou na noite desta terça-feira diante do Racing, em grande confronto válido pela Libertadores da América. O Mais Querido não teve uma...

Ceni dá desculpa pela substituição de Everton e Arrascaeta; Assista

O Flamengo entrou em campo na noite desta terça-feira diante do Racing, em grande jogo válido pela volta das oitavas de finais da Libertadores...

Mauro Cézar detona o Flamengo após eliminação; Assista

O Flamengo jogou na noite desta terça-feira diante do Racing, em jogo que aconteceu no estádio do Maracanã, pela volta das oitavas de finais...

Torcida se revolta e DETONA Ceni e Marcos Braz; veja os comentários

O Flamengo jogou na noite desta terça-feira diante do Racing, em jogo válido pela volta das oitavas de finais da Copa Libertadores da América....